21 C
Vitória
sexta-feira, 19 abril, 2024

Governo do ES lança protocolo sanitário para a retomada do Turismo

Por meio de um selo, que já está disponível para empresas, o governo busca medidas para retomada do setor em período de pandemia do novo coronavírus

Por Aline Pagotto

O Governo do Espírito Santo, por meio da Secretaria de Turismo (Setur), promoveu, nesta terça-feira (09), uma solenidade virtual de Mobilização do Trade Turístico local, voltado para empreendedores, secretários municipais e instâncias de governança, para adesão aos protocolos de enfrentamento à Covid-19 e estruturação do Plano de Retomada da Economia do Turismo Capixaba.

- Continua após a publicidade -

O pronunciamento contou com a participação do governador Renato Casagrande, da vice-governadora Jaqueline Moraes, do secretário de Esatdo do Turismo, Dorval Uliana, do deputado federal Josias Da Vitória e de representantes do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

Segundo o governador Renato Casagrande, o plano está de acordo com o selo “Turismo Responsável – Limpo e Seguro”, divulgado nesta semana pelo Ministério do Turismo. A iniciativa faz parte do Plano de Retomada do Turismo Brasileiro, que visa a minimizar os impactos da pandemia e preparar o setor para um retorno gradual das atividades.

As orientações foram direcionadas a 15 segmentos turísticos, entre eles estão Meios de Hospedagem; Agências de Turismo; Transportadoras Turísticas; Organizadoras de Eventos; Parques Temáticos; Acampamentos Turísticos; Restaurantes, Cafeterias, Bares e similares; Parques Temáticos Aquáticos; Locadoras de veículos para turistas, Guias de Turismo, entre outros.

O selo já está disponível para empresas. Para os guias de turismo, ele deverá estar disponível em cerca de 20 dias.

Recuperação

Casagrande disse que mesmo vivendo em momento de dificuldade, a pandemia do novo coronavírus não pode atrapalhar o crescimento das atividades econômicas. “O turismo foi o setor mais afetado até o momento, pois vive da circulação de pessoas, vive de eventos que juntam pessoas, que querem conhecer novos lugares, com presença de pessoas em hotéis, nos bates, e tudo mais. Qualquer ação nossa que possa estabelecer retomada de atividade do turismo é importante. Claro, desde que seja com segurança.”, enfatizou.

O secretário de Estado do Turismo, Dorval Uliana, disse que os protocolos sanitários foram criados em parceria com entidades dos segmentos turísticos e chancelados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), e podem ser acessados, por segmento, no portal do selo, e que esse momento é primordial para a retomada de micro e pequenas empresas, principalmente.

dorval uliana
O secretário de Estado do Turismo, Dorval Uliana. – Foto: Divulgação

“Sabemos que os números de casos são preocupantes, mas é hora de planejar a retomada do setor nesse período. Nós precisamos construir ações concretas, por isso pedimos a mobilização das empresas do Trade para que os protocolos possam chegar a todos os empreendedores,.

A superintendente do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Espírito Santo (Senar-ES), Letícia Toniato Simões, afirmou que o Estado pode contar com a instituição nesse momento importante de retomada do setor nesse período de pandemia. “A parte técinica será trada pela nossa equipe e o trabalho do Senar já está em andamento com a Setur e o Sebrae. Não estamos deixando de dar assistência ao empreendedor, inclusive, os atendimentos estão sendo virtuais”, disse.

O superintendente do Sebrae-ES, Pedro Rigo, afirmou que a instituição tem ações emergenciais voltadas à retomada rápida econômica. “Estamos junto com a Secretaria de Turismo, pensando também em um plano de ação junto com os parceiras e vamos nos colocar à disposição para o crescimento do Estado e do país’, destacou.

selo turismo
O selo foi lançado nesta semana pelo Ministério do Turismo. – Foto: Divulgação

Como obter o selo?

Para obter o selo “Turismo Responsável Limpo e Seguro” é importante solicitá-lo no site da iniciativa, ler as orientações previstas no protocolo destinado ao segmento em que atua e estar com situação regular no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur). A aquisição é gratuita.

A impressão poderá ser feita pelo site e o selo deve ser colado em local de fácil acesso ao cliente e conterá um QR Code pelo qual o turista poderá consultar as medidas adotadas por aquele empreendimento e/ou profissional.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 220

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA