20.5 C
Vitória
segunda-feira, 17 maio, 2021

Governo atualiza panorama da covid-19 no ES

O Governo do Estado atualizou a situação do enfrentamento à covid-19 no Estado. O secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, e o subsecretário em Vigilância de Saúde, Luiz Carlos Reblin realizaram, na tarde desta sexta-feira (16), uma entrevista coletiva e deram o panorama da situação.

Sem pacientes aguardando leitos

O secretário Nésio Fernantes iniciou a coletiva com uma boa notícia: o Espírito Santo amanheceu nesta sexta-feira (16) sem nenhum paciente aguardando mais de 24 horas para uma vaga no Samu e nem na Central de Regulação de Leitos no Estado. Para o secretário, essa é uma situação enche a população de esperanças.

Resultado da quarentena: redução de internações nas próximas semanas

O Governo Estadual percebeu o primeiro comportamento na curva de casos observados. O governo irá passar a observar agora a redução por novos leitos e na taxa de ocupação as próximas duas ou três semanas, e em seguida, acompanhar na curva de óbitos. Nésio avaliou que é possível apresentar uma queda na curva de casos mais rápida e consolidada em curvas anteriores.

O período ainda é crítico

O secretário reforçou que o Espírito Santo ainda vive um período crítico, com muitos pacientes internados. Porém, não pode deixar de celebrar os resultados que começaram a aparecer devido ao pacto pela vida estabelecida no Espírito Santo.

Mais de 400 mil mortes por semana

Nésio lamentou a marca de mais de 400 mil óbitos por semana no Espírito Santo. “Será possível nas próximas semanas confirmar a desaceleração da curva de óbitos e perceber como a proporção no crescimento de óbitos nas semanas, 12, 13 e 14 com a atual (15). No entanto, ainda em patamares superiores a 400 óbitos por semana. Abril será um mês de luto para os capixabas”, destaca.

Redução de 33% nas mortes de idosos com mais de 80 anos

“Como resultado da vacinação (contra a Covid-19), nós reconhecemos que já há uma redução de 33% nos óbitos hospitalares na população com mais de 80 anos no nosso Estado”, destacou Nésio.

Vacinação

O secretário também reforçou que o Espírito Santo segue em negociação com fabricantes de vacinas. O Estado irá, no momento adequado, informar da conclusão dessas negociações que serão adotadas para completar a estratégia do Plano Nacional de Vacinação (PNI) contra a covid-19.

Não há falta de kit intubação e oxigênio

Nésio Fernantes reforçou que não há crise grave por falta de kit intubação. “O Governo do Estado se preparou com atas e compras e a situação nos hospitais estaduais geridos pela Sesa de forma direta possui estabilidade no ponto de estoque. Há uma instabilidade maior dentro da rede filantrópica e privada, porém, todas as medidas que podem ser adotadas pelo Estado, já estão sendo feitas”, destaca.

Número de jovens internados dobrou no ES

“Temos um amento de infecção em jovens e de internação de jovens. A participação de jovens aumentou e está em cerca de 15% ou 16% das internações, com pessoas de 18 a 44 anos. Em outros momentos, esse número era de 8% a 9%”.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade