23.9 C
Vitória
sexta-feira, 5 março, 2021

GM muda logo e promete lançar 30 elétricos até 2025

Leia Também

O que esperar do mercado imobiliário em 2021

Com a taxa de juros em seu patamar mais baixo da história, as pessoas continuam buscando ativos reais, a exemplo dos imóveis, porque é...

Crime e não mera crítica: legalidade da prisão em flagrante de Daniel Silveira

O deputado já é alvo de investigação em dois inquéritos policiais que apuram respectivamente a prática de atos antidemocráticos Por Eneida Taquary A prisão em flagrante...

A destruição da poupança

A caderneta virou aquele cofre em forma de porquinho, ou seja, é um mero lugar para se guardar dinheiro, para não se ter o incômodo e os temores de deixá-lo em casa.

A GM está investindo US$ 27 bilhões (mais de R$ 148 bilhões, na conversão direta) nesta espécie de recomeço para a empresa

Por Diego Ortiz (AE)

Sexta-feira, 8 de janeiro, é uma data que ficará marcada na história da indústria automotiva mundial. Em vez de criar uma marca exclusiva para seus elétricos, a General Motors resolveu ousar. Mudou sua logomarca e anunciou que lançará 30 novos modelos eletrificados até 2025.

Em uma conta simples, estamos falando de seis veículos novos por ano. Dois deles já foram anunciados pela GM: a picape GMC Hummer e o SUV Cadillac Lyriq. “Há momentos na história em que tudo muda. Pontos de inflexão. Acreditamos que esse ponto está sobre nós para a adoção em massa de veículos elétricos”, disse Deborah Wahl, diretora de marketing global da GM, durante a apresentação dos novos planos.

Questionada sobre se algum destes novos modelos virá ao Brasil, Deborah disse que ainda é cedo para falar de produtos para mercados específicos. Mas confirmou que a nova estratégia está sendo pensada de maneira global.

A campanha “Everybody In” lançada na sexta-feira, engloba todos os planos. E pretende fazer com que os novos modelos elétricos sejam acessíveis e disponíveis em larga escala.

Portanto, a intenção é que haja veículos com vários tipos de carroceria e preços, mas com predominância dos SUVs. “É uma transformação gigante, mas otimista. E para gerar um futuro sustentável para a GM. Nossa companhia é entusiasta dos carros elétricos e esta é a nossa direção”, diz Deborah.

Investimento pesado

A GM está investindo US$ 27 bilhões (mais de R$ 148 bilhões, na conversão direta) nesta espécie de recomeço para a empresa. Boa parte desse montante foi aplicado no desenvolvimento da plataforma Ultium, que, segundo informações da empresa, é capaz de garantir autonomia de mais de 724 km. Além disso, haverá carros com perfil esportivo capazes de acelerar de 0 a 100 km/h em 3 segundos.

Como parte da nova campanha, a marca lançou na segunda-feira (11) o novo site corporativo www.gm.com. A página foca as novas tecnologias de eletrificação e a sustentabilidade dos novos produtos da empresa.

R$ 10 bilhões para o Brasil

Após congelar os R$ 10 bilhões em investimentos prometidos para o Brasil (anunciados em 2019) por causa da pandemia, a GM vai retomar o projeto. Em comunicado celebrando os cinco anos de liderança de vendas, a empresa confirmou o lançamento de “veículos inéditos” no mercado nacional até 2024.

Vêm aí as novas gerações da minivan Spin e da picape S10, além, naturalmente, do Trailblazer, que é a versão SUV da picape média Haverá também uma picape com tamanho semelhante ao da Fiat Toro e da futura Volkswagen Tarok.

Além disso, a GM confirmou a vinda de um novo lote do elétrico Bolt EV. O modelo chegou ao Brasil em 2020 e teve cerca de 100 unidades emplacadas.

Spin crossover

Lançada em 2012, a Spin será substituída em 2022. De minivan baseada no Cobalt, sedã que saiu de linha em 2020, o modelo passará a ser um crossover.

Além disso, o modelo terá a nova plataforma modular da GM. Essa base já é utilizada nos novos Onix (hatch e sedã) e no SUV compacto Tracker.

E dará origem também a uma picape inédita. O modelo será maior que a Montana, menor que a S10 e deverá disputar compradores com a Fiat Toro e a futura Volkswagen Tarok.

Metade dos R$ 10 bilhões já foi aplicado na fábrica de São Caetano do Sul, na região metropolitana de São Paulo, que teve a linha de produção modernizada para fazer o novo Tracker. Outros R$ 5 bilhões serão investidos em São José dos Campos.

A fábrica do interior do Estado de São Paulo produz a S10 e o Trailblazer. E fará as novas gerações dos dois modelos, que devem estrear em 2023.

A GM também planeja lançar dois novos utilitários-esportivos no Brasil até meados desta década. Um deles será menor que o Tracker e disputará vendas no novo segmento de compactos que surgirá no País.

O outro ocupará o espaço entre o Tracker e o Equinox, que é importado do México. O modelo vai brigar com o Jeep Compass e o Volkswagen Taos, que virá da Argentina em maio.

O novo Equinox, aliás, está atrasado. O modelo teve o lançamento no País prejudicado pela pandemia e só deverá chegar às concessionárias no segundo semestre deste ano.

O SUV foi renovado em 2020. Além de atualizações no visual da dianteira, traseira e equipamentos, o modelo trará mudanças no conjunto mecânico.

O motor 2.0 de 255 cv das versões de entrada do Camaro dará lugar o de 240 cv do Cadillac XT4 e do Chevrolet Blazer.

ES Brasil Digital

ESBrasil-184 - Retrospectiva
Continua após publicidade

Mais Motores

Vitória Motors Mercedes-Benz apresenta lançamentos

E300 Coupé e AMG GLC 43 4MATIC chegam ao Espírito Santo no próximo mês, trazendo novidades interessantes para os fãs da marca Duas novas supermáquinas da...

Nissan March 2019 ganha novo sistema multimídia

O March estreia no mercado brasileiro com mudanças no equipamento Multi-App  Conhecido como um dos maiores lançamentos da Nissan, o modelo March estreia no mercado brasileiro...

Fiat Idea 2016 chega por R$ 51.270

Modelos Attractive, Essence e Adventure apresentam diversas novidades para o condutor O mais novo carro da Fiat a chegar à linha...

Blogs e colunas

Digitalização no mercado automotivo impacta a experiência do motorista

O Coronavírus provocou uma mudança sem precedente, obrigando diferentes setores a adotarem soluções digitais rapidamente

Quanto custa manter um carro?

Muitos afirmam que os gastos com o carro se assemelham aos que se tem com um filho

Acessórios automotivos: conheça os tipos e as preferências de cada motorista

Personalização, customização, individualização. Os nomes são muitos, mas uma coisa é certa: nos últimos tempos, a moda é transmitir a personalidade de cada um através de cada item do dia-a-dia.