21.6 C
Vitória
sexta-feira, 24 setembro, 2021

Exposição gratuita em homenagem ao Dia da Mulher Negra

O Dia da Mulher Negra e o Dia de Tereza de Benguela, comemorados no próximo domingo (25), terá programação especial.

Por Munik Vieira

Em alusão ao Julho das Pretas, a pintora vilavelhense Fabrizia Gomes expõe suas pinturas, com temática afro, na Casa da Memória de Vila Velha, na Prainha. A exposição começou nesta quinta (22).

A exposição é uma homenagem a Tereza Benguela, símbolo da luta das mulheres, devido aos seus feitos no século XVIII, quando defendeu durante décadas o Quilombo do Quariterê, às margens do rio Guaporé, na atual cidade de Cuiabá, Mato Grosso. “Juntamente com cerca de três mil pessoas, ela lutou bravamente pelo território onde viviam e contra a escravidão, até sua morte em combate, em 1770. Um evento para compartilhar com todos os saberes históricos e o diálogo social”, destacou Fabrizia Gomes.

“A exposição com pinturas em óleo sobre tela da artista é uma belíssima homenagem às muitas “Terezas”, que representam a resistência e luta da mulher preta e não-preta, como reconhecimento e valorização da produtividade cultural das afro-empreendedoras de Vila Velha”, afirma o subsecretário Municipal de Cultura, Manoel Goes.

Serviço

Exposição Somos todas Terezas
Visitação: de 22 de julho a 22 de agosto
Horários: de terça a sexta-feira das 10 às 16h. Sábados, domingos e feriados das 9 às 18h
Entrada: franca
Casa da Memória de Vila Velha: Rua Luciano das Neves, 17, Prainha

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade