23.6 C
Vitória
quinta-feira, 24 setembro, 2020

Excesso de tecnologia prejudica o sono de crianças e jovens

Leia Também

TRF suspende liminar que impedia volta de peritos ao trabalho em agências do INSS

O secretário Bruno Bianco alertou publicamente que quem não voltasse teria o ponto cortado, com reflexos na remuneração no fim do mês

Reforma geral do Hospital da Polícia Militar

O investimento realizado será de R$ 1.557.998,14 e faz parte do plano de reestruturação da Segurança Pública, no escopo do programa Estado Presente em Defesa da Vida.

Brasil é antepenúltimo em ranking sobre participação feminina na política da AL

"Temos barreiras gigantescas a serem ultrapassadas nos partidos políticos que são majoritariamente comandados por homens que estão lá já há muitas décadas", afirmou a deputada Tabata Amaral

Especialista alerta que dormir mal pode influenciar o comportamento e o desenvolvimento intelectual das crianças

O uso de tablets e celulares por longos períodos e até tarde da noite, muitas vezes passando da meia-noite, já se tornou hábito frequente em muitas famílias. Mas o acesso cada vez mais cedo e muitas vezes irrestrito a aparelhos eletrônicos traz diversos prejuízos para a saúde de crianças e adolescentes, em especial no que diz respeito à privação do sono.

“Hoje em dia vemos crianças muito pequenas com acesso a celulares e tablets, seja para elas não perturbarem em restaurantes, seja para que elas fiquem quietas quando estão em casa. A consequência disso são crianças que estão perdendo o sono muito novas”, alerta a médica pneumologista e presidente da Associação Brasileira do Sono regional ES, Jéssica Polese. O resultado são crianças que dormem mal, chegam cansadas à escola e apresentam ansiedade e dificuldade de concentração.

A médica afirma ainda que muitos de seus pacientes são adolescentes que trocam a noite pelo dia e isso já é uma consequência da privação de sono na infância e da construção de maus hábitos do sono desde pequenos. Por isso, a atenção dos pais a essa questão é fundamental, já que dormir mal nas fases precoces da vida pode ter forte influência sobre o comportamento e desenvolvimento intelectual, e também favorece o desenvolvimento de sobrepeso e obesidade.

“A criança não vai decidir por ela mesma abandonar o jogo ou o celular para ir dormir. Isso tem que partir dos pais. O ideal é que ela não tenha acesso irrestrito ao aparelho eletrônico e que ele seja desligado pelo menos até duas horas antes do horário da criança dormir para a mente ir se acalmando”, acrescenta a médica.

Atitudes para uma boa higiene do sono das crianças:

– Os pais devem criar uma rotina consistente de ir para a cama, ou seja, no mesmo horário e com as mesmas ações. A leitura de um livro enquanto a criança se prepara para dormir pode ajudá-la a relaxar,

– Televisores, celulares e tablets devem ser desligados ao menos duas horas antes da hora da criança dormir;

– O ambiente do quarto deve ser silencioso, escuro e com temperatura adequada. Muitas crianças não conseguem dormir com as luzes totalmente apagadas, e nesses casos, abajures podem resolver o problema;

– A rotina do sono deve também incluir a fixação de um horário para acordar. Quando os pais permitem que os filhos acordem mais tarde com certa frequência, eles podem estar dificultando o processo de ir para a cama à noite, criando um círculo vicioso.

Leia Também
- Publicidade -

Matérias relacionadas

Campanha promove dia d de vacinação contra sarampo e influenza neste sábado em SP

A vacinação acontece até o dia 31 de agosto, e é direcionada ao público de 6 meses a 49 anos de idade.

Crianças estão deixando de ir a consultas e tomar vacinas durante pandemia

Segundo o levantamento da Febrasgo, 61% dos pediatras relataram queda acentuada no número de consultas e 73% disseram que as crianças deixaram de ser vacinadas no período da pandemia

Sintomas de fibromialgia podem ser acentuados durante isolamento

Uma dor perturbadora. Assim é definida a fibromialgia por aqueles que sofrem dessa doença. A síndrome que atinge cerca 2,5% da população brasileira, segundo a...

Pesquisadores vão estudar medicamentos para HIV e hepatite C contra covid

No estudo, os pesquisadores querem verificar a eficácia dos tratamentos para reduzir a carga viral

Ainda não há vacina para covid-19 e não sabemos se a teremos em 6 meses, diz Opas

Questionado sobre a vacina desenvolvida pela AstraZeneca, Barbosa lembrou que ela está na fase 3 de ensaios clínicos

Estado de São Paulo ultrapassa 700 mil casos da covid-19

Em relação aos óbitos, o Estado tem 26.889 mortes pela doença, 47 registrados em 24 horas

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Economia: pedidos de seguro-desemprego caem 11,6% na 1ª quinzena de setembro

O custo de cada parcela adicional é estimado em R$ 8,35 bilhões, segundo cálculos da equipe econômica obtidos pelo Broadcast

‘Vamos fazer programa de substituição tributária’, diz Guedes

Ricardo Barros (PP-PR), afirmou ainda que não haverá aumento de carga tributária na proposta de reforma que o governo construirá

Conab avalia que Brasil terá segunda maior safra de café em 2020

O 3º Levantamento da Safra 2020 de Café, divulgado hoje (22), em Brasília, pela Companhia Nacional do Abastecimento (Conab), foi estimado em 61,6 milhões...

Valor Bruto da Produção Agropecuária deve ser recorde de R$ 823 bi, diz CNA

Outros fatores que podem influenciar o indicador do setor são o aumento de 4,3% na produção, a alta de 18,7% nos preços

Vida Capixaba

Farol Santa Luzia e Igreja do Rosário são reabertos com novas regras de visitação

A reabertura dos pontos turísticos capixabas acontece aos poucos e na última quarta feira (23) mais dois, localizados em Vila Velha, reabriram para visitação depois de ficarem fechados por meses, em consequência da pandemia do novo Coronavírus.

Difícil controlar o estresse na pandemia?

Na semana em que se comemora o dia Dia Mundial de Combate ao Estresse (23) resultados de estudos comprovam que nos últimos seis meses, devido à pandemia do COVID, a demanda por medicamentos para estresse, depressão e insônia, aumentou.

Terminam hoje inscrições para II Encontro Capixaba de Pesquisa em Educação Ambiental

Voltado para estudantes, pesquisadores, professores e demais educadores ambientais, o encontro será realizado de quarta-feira (23) a sexta-feira (25) de forma virtual devido às medidas de prevenção ao novo Coronavírus (Covid-19).

Conselho Tutelar: Vereador apresenta denúncia ao ministério público

A capital do Espírito Santo registrou em 2019 nada menos que 244 casos de abuso sexual infantil cometidos contra crianças e adolescentes de até 19 anos de idade. Um aumento de 32% em relação ao registrado no ano anterior pela Secretaria Municipal de Saúde (175 casos).
Continua após publicidade