19.4 C
Vitória
sexta-feira, 12 agosto, 2022

Exagerou nas festas de fim de ano? Confira o que fazer!

esbrasil_alimentacao_saudavel
Alimentação saudável no pós-revéillon ajuda na recuperação dos excessos durante as festas de final de ano. Foto: Reprodução

Para quem ainda está digerindo a comilança de fim de ano, a recomendação é voltar aos hábitos alimentares normais nas próximas refeições

Por Wesley Ribeiro 

Nas festas de fim de ano é comum as pessoas darem uma exagerada nos “comes e bebes” típicos dessa época como ceias, sobremesas, churrascos e bebida alcóolica. Especialmente por causa do sabor e da apresentação desses artigos alimentares.

Para quem ainda está digerindo a comilança do Ano Novo, a recomendação é voltar aos hábitos alimentares normais nas próximas refeições. “Logo tudo ficará equilibrado novamente, basta se cuidar e voltar para os hábitos alimentares saudáveis. É um dia de festa e outro dia de vida normal”, explica a nutricionista Francine Freire.

Ela explica que muito do que se ganha de peso após refeições mais pesadas é líquido ou distensão – e não gordura corporal. Se hidratar ajuda a desinchar e voltar ao seu estado de hidratação, no qual as funções normais são restabelecidas. Francine ressalta que é interessante sempre tomar uns diuréticos naturais que podem ser manipulados.

O chá drenante é uma opção extra para auxiliar no combate à retenção de líquido. Segundo Mariana Piassaroli, farmacêutica responsável pela Farmácia Mônica, também existem ativos com ação secativa que ajudam nessas situações de exagero. “Morosil, Cactinea, Clorela, Altilix e Desmovit são alguns exemplos que auxiliam na redução de peso e inchaço do pós festa”, conta.

Descanso

Outra dica é descansar, pois, assim como todo o corpo, os órgãos também ficam cansados. Por isso, é recomendado fazer refeições leves como carnes magras, carboidratos integrais e alimentos naturais. “Nesses casos é recomendado exagerar somente nas saladas e frutas”, reitera Francine.

É muito importante após os excessos alimentares voltar à rotina saudável o mais rápido possível, dessa forma a pessoa evita desenvolver compulsões e errar nas próximas refeições. Fazer jejum nessas situações não é recomendado, a menos que seja orientação de um profissional capacitado.

Além dos cuidados com a alimentação, é possível se manter saudável aliando os manipulados à rotina de recuperação. Por oferecer dosagens exclusivas para cada paciente, essa solução facilita o autocuidado e controle da saúde do corpo.

Segundo a farmacêutica Piassaroli, a busca por medicamentos de desintoxicação são cada vez mais comuns nessa época do ano e são uma solução saudável e segura. 

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade