Tecnologia automotiva em evento na Praça do Papa

Foto: Reprodução

Oficina conectada apresentou o que há de mais inovador em tecnologia automotiva para oficinas reparadoras capixabas

Para melhorar a qualidade dos veículos, as oficinas têm apostado em algumas tecnologias disruptivas. E atento ao desenvolvimento e acompanhando as tendências, o Espírito Santo recebeu a Autotech, feira de tecnologia automotiva do Estado, que aconteceu de 11 a 13 de outubro, na Praça do Papa, em Vitória.

O evento, realizado pela Dupla Produções e pelo Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Espírito Santo (Sindirepa), abordou um assunto em alta: a evolução dos veículos movidos à injeção eletrônica.

Com uma oficina completamente conectada, o participante também conheceu tecnologias como controle de estoques por meio de drones, óculos com realidade aumentada, impressão de peças em 3D, fábricas digitais e softwares, entre outras.

O consultor técnico e comercial da Bosch no Espírito Santo, Evando Almeida, destaca que o novo conceito é de “oficina do futuro”.

“O veículo entra na oficina conectada e já passa pelo equipamento de diagnóstico, feito por meio de um software que mostra via sistema tudo o que o carro necessita em relação a manutenção até peças”, afirma Almeida.

O presidente do Sindirepa, Eduardo Dalla Mura. – Foto: Divulgação

Já o presidente do Sindirepa, Eduardo Dalla Mura, acredita que as expectativas  para o evento são positivas, pois o setor está com o cronômetro acionado. “A feira cresceu e a tecnologia e atratividades interativas se destacam nesta edição. Teremos demonstrações ao vivo de técnicas como cabine de pintura automotiva em meia hora, um posto de carregamento de carro elétrico, além de expositor com dois simuladores com óculos de realidade aumentada”, diz ele.

Indústria automobilística

A indústria automobilística brasileira tem usado a tecnologia a seu favor justamente para melhorar a qualidade dos veículos, a produtividade das fábricas e sua competitividade.

E para aplicar essa tecnologia e se posicionar bem no mercado, o setor pretende investir até 2024 quase R$ 40 bilhões, segundo dados do Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos do ES (Sincodives).

Confira mais fotos do evento realizado na Praça do Papa:

Foto: Luciana Nunes / Next Editorial

Conteúdo Publicitário