24.4 C
Vitória
sábado, 4 dezembro, 2021

ES destina mais de R$ 231 milhões para educação nos municípios

O Governo do Estado vai destinar mais de R$ 231 milhões a 75 municípios capixabas que se inscreveram no edital do Fundo Estadual de Apoio à Ampliação e Melhoria das Condições de Oferta da Educação Infantil e do Ensino Fundamental no Espírito Santo (Funpaes)

Por Munik Vieira

O governador Renato Casagrande informou que os valores serão repassados nos próximos dias.

Fundo de apoio

Anunciado em junho deste ano, o Funpaes iria destinar, inicialmente, um total de R$ 200 milhões aos municípios, contudo, diante do volume de inscrições – que superaram em 400% o valor inicial -, e da disponibilidade financeira, o Governo do Estado ampliou o investimento nesta ação.

Os recursos permitirão investimentos em obras de construção, reforma e ampliação de unidades escolares, bem como nas aquisições do Sistema de Microgeração de Energia Elétrica (Fotovoltaica), além de equipamentos e mobiliários, recursos tecnológicos, veículos e instrumentos musicais.

Em sua fala na solenidade, que teve a presença de gestores municipais, o governador Casagrande reforçou o compromisso com a construção de um Espírito Santo próspero para todos. “Nenhum local prosperou sem ter uma educação de qualidade e precisamos ter pressa. Tivemos um prejuízo muito grande por causa da pandemia e para recuperar é necessário um esforço gigantesco. O que estamos fazendo hoje é uma manifestação do que queremos para a educação de todo o Espírito Santo”, disse.

Importância da iniciativa

Para o secretário de Estado da Educação, Vitor de Angelo, a iniciativa reforça que as ações do Governo não ficam restritas aos investimentos em escolas estaduais, mas também contemplam o repasse de recursos aos municípios. “São mais de R$1 bilhão de investimentos nas cidades capixabas e na educação infantil. A organização financeira do Estado permitiu que hoje divulgássemos um valor de recursos superior ao que tínhamos planejado. É uma transferência voluntária de recursos que vai permitir investimentos em obras, formações, compras de investimentos, dentre outros”, pontuou.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade