Disponibilizada versão digital de documentos para veículos

O documento digital tem validade legal caso seja solicitado por autoridades (Fotografia - Divulgação /Governo do Estado)

Assim como a CNH, documento do veículo está acessível via smartphone ou tablet

Desde o dia 22 de julho, os proprietários de veículos registrados no Espírito Santo poderão utilizar a versão eletrônica do documento do veículo no smartphone ou tablet. O Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo Digital (CRLV) está disponível gratuitamente pelo Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES) juntamente à CNH Digital no aplicativo “Carteira Digital de Trânsito” (CDT).

Para ter acesso à versão eletrônica, é necessário que o veículo esteja licenciado no exercício atual, ou seja, da mesma forma que o documento impresso, que continuará a ser emitido pelo órgão de trânsito, o CRLV Digital somente estará disponível após a quitação dos débitos relativos ao Licenciamento Anual do veículo. Assim como a CNH Digital, a versão eletrônica do CRLV traz todas as informações do documento impresso e tem a mesma validade jurídica do CRLV físico.

O diretor-geral do Detran|ES, Givaldo Vieira, destaca que a possibilidade de ter o documento do veículo no aparelho celular ou no tablet, como já acontece com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), é uma opção que traz vários benefícios para o condutor do veículo. “Essa é mais uma iniciativa do projeto Detran 100% Digital para tirar cada vez mais o órgão do papel. Hoje em dia, é mais difícil a pessoa esquecer o celular do que a carteira”, constata.

Aplicativo

Para acessar o CRLV Digital é necessário fazer download do aplicativo “Carteira Digital de Trânsito”, disponível no Google Play e App Store e adicionar o documento. O cadastramento do veículo pode ser realizado no próprio aplicativo assim como CNH Digital. Ambos podem ser acessados pelo dispositivo móvel mesmo off-line, ou seja, sem internet. O procedimento é 100% on-line, não sendo necessário o comparecimento do proprietário ao Detran.

Compartilhamento

O CRLV Digital pode ser compartilhado para outra pessoa que utiliza o mesmo veículo, desde que ela já tenha instalado, em seu dispositivo móvel, o aplicativo CDT. O compartilhamento pode ser realizado para até cinco pessoas ao mesmo tempo. Quem recebe o CRLV digital não consegue exportar ou compartilhar o documento, mas pode apresentá-lo às autoridades de trânsito. Quando o proprietário do veículo não quiser mais compartilhar o documento, é só cancelar a opção no aplicativo.

Segurança

O documento digital do usuário está protegido por uma senha de acesso de quatro dígitos, exigida para o login na Carteira Digital de Trânsito. O acesso ao aplicativo pode ser feito também com a impressão digital do usuário nos dispositivos móveis que já possuam leitor por biometria.

A autenticidade do documento é garantida pelo QR Code, que pode ser lido para verificar se há alguma falsificação no documento durante uma fiscalização de trânsito.

A Carteira Nacional de Habilitação Digital já está disponível para os portadores desde janeiro de 2018 (Fotografia – Divulgação)
CNH Digital

Desde janeiro de 2018, os condutores capixabas já podem ter acesso em seus smartphones à versão eletrônica da Carteira Nacional de Habilitação (CNH-e). Em todo o Estado, mais de 65 mil condutores utilizam a CNH digital como uma alternativa ao documento em papel. O documento é gratuito e não é necessário ir até uma unidade do Detran|ES para emitir a carteira eletrônica.

Para obter a CNH Digital, é necessário que o condutor interessado já tenha o documento de papel com o QR Code, código localizado na parte interna da carteira. Todas as CNHs emitidas a partir de maio de 2017 têm essa tecnologia. O condutor que não tiver o QR Code em sua CNH poderá fazer a antecipação da renovação ou solicitar uma segunda via. Nestes casos, o usuário terá que pagar as taxas desses serviços.


LEIA TAMBÉM
Conteúdo Publicitário