24.8 C
Vitória
segunda-feira, 28 setembro, 2020

Dia das crianças: fator comodidade deve aumentar vendas on-line

Leia Também

Campanha das eleições municipais começa neste domingo

A partir deste domingo (27) as Eleições Municipais 2020 entram em uma nova etapa, com o início da campanha aos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador. Os candidatos estarão liberados, por exemplo, a pedir votos e divulgar propostas nas ruas, na internet e na imprensa escrita.

Volta às aulas: Fim das restrições às aulas presenciais

O anúncio foi feito pelo Governador do Espirito Santo, Renato Casagrande, durante uma videoconferência na tarde dessa sexta feira (25)

Ocupação de UTIs tem risco baixo em 17 estados e intermediário no Espírito Santo

Aumentou de 15 para 17 o número de estados em que a taxa de ocupação de unidades de terapia intensiva para covid-19 é considerada de alerta baixo (menor que 60%) no boletim Observatório Fiocruz Covid-19, divulgado hoje (25).

Aumento está relacionado ao maior número de pedidos feitos pela internet

Economizar e garantir a felicidade da criançada é o sonho de consumo da maioria dos papais e mamães durante o Dia das Crianças. Transformar esse desejo em realidade demanda tempo e esforço – haja vista a cena frequente de filas quilométricas às vésperas da data em grandes varejistas. Nesse cenário, o e-commerce tem ganhado cada vez mais relevância como uma alternativa para economizar sem sair de casa.

Um levantamento da empresa de inteligência de mercado focada em e-commerce Compre & Confie mostra que as famílias devem movimentar o varejo digital gerando cerca de R$ 2,7 bilhões em faturamento, o que seria aumento de 24,1% em relação ao mesmo período do ano passado. O estudo considera o período de 28 de setembro a 11 de outubro.

“Cada vez mais pessoas buscam por comodidade na hora de consumir. Além dos preços competitivos muitas vezes encontrados no varejo digital, a vantagem de comprar sem sair de casa tem atraído cada vez mais brasileiros para o ambiente digital na hora de presentear. A consolidação de cada vez mais varejistas atuando de forma sólida nesse ambiente também contribui para aumentar a confiança do consumidor, engajando um público cada vez maior com o e-commerce”, afirma André Dias, diretor executivo do Compre & Confie.

De acordo com os dados, devem ser realizados 7 milhões de pedidos com foco no Dia das Crianças, aumento de 26% em relação ao mesmo período do ano passado. Apesar disso, o tíquete médio das compras deve ser ligeiramente inferior ao do ano passado: R$ 392,70 (queda de 1,5% em relação ao mesmo período de 2018).

“A retomada do poder econômico ainda não atingiu plenamente as famílias brasileiras, fator que colabora para a queda no tíquete médio. Ainda assim, pode-se observar que o decréscimo foi relativamente pequeno, se descontados fatores como a inflação, por exemplo. Ou seja, o consumidor continua disposto a comprar itens semelhantes, com baixa variação no seu valor final”, finaliza Dias.

Leia também
- Publicidade -

Matérias relacionadas

Dia dos Pais: 47,8% das pessoas comprarão presentes on-line

De acordo com uma pesquisa, 57,6% das pessoas entrevistadas pretendem celebrar o Dia dos Pais; 21,5% ainda estão na dúvida sobre comemorar ou não.

Consumidores que compraram alimentos pela internet chegam a 53%

Isolamento social causado pela covid-19 influencia pesquisa. Saiba mais! Uma pesquisa feita em 36 países mostra que no Brasil 53,4% dos consumidores compraram alimentos pela...

Interesse por compras online deve continuar após pandemia

Pesquisa ouviu mais de 2 mil pessoas sobre comércio eletrônico. Confira! O interesse dos consumidores em fazer compras online, alavancado pelo isolamento social, deverá permanecer...

Em alta: dinheiro digital e compras perto de casa se tornam preferências

Na hora da compra, há diferentes critérios que nos fazem escolher um produto ou estabelecimento

Vendas do varejo sobem 13,9% em maio ante abril, revela IBGE

As vendas do comércio varejista ampliado acumularam queda de 8,6% no ano e redução de 1% em 12 meses. Confira! Por Daniela Amorim (AE) As vendas...

Intenção de consumo das famílias tem maior queda em dez anos, diz CNC

Em comparação a junho do ano passado a queda é de 24,1%. Confira! A Intenção de Consumo das Famílias (ICF), medida pela Confederação Nacional do...

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Agências da Caixa não abrem neste sábado

Diferentemente das últimas três semanas, as agências da Caixa Econômica Federal não abrirão neste sábado (26) para saques do auxílio emergencial e do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Economia: pedidos de seguro-desemprego caem 11,6% na 1ª quinzena de setembro

O custo de cada parcela adicional é estimado em R$ 8,35 bilhões, segundo cálculos da equipe econômica obtidos pelo Broadcast

‘Vamos fazer programa de substituição tributária’, diz Guedes

Ricardo Barros (PP-PR), afirmou ainda que não haverá aumento de carga tributária na proposta de reforma que o governo construirá

Conab avalia que Brasil terá segunda maior safra de café em 2020

O 3º Levantamento da Safra 2020 de Café, divulgado hoje (22), em Brasília, pela Companhia Nacional do Abastecimento (Conab), foi estimado em 61,6 milhões...

Vida Capixaba

Doenças tireoidianas no idoso e a associação entre Covid-19 e a tireoide fazem parte de evento científico

De 30 a 31 de outubro ocorrerá o 19º Encontro Brasileiro de Tireoide (EBT), pela primeira vez online, em razão da pandemia da covid-19....

Cirurgia inédita no Estado para tratar tumores de pulmão

O procedimento é inovador! Chamado de lobectomia uniportal por vídeo, o procedimento será realizado no dia 26 de setembro. 

Farol Santa Luzia e Igreja do Rosário são reabertos com novas regras de visitação

A reabertura dos pontos turísticos capixabas acontece aos poucos e na última quarta feira (23) mais dois, localizados em Vila Velha, reabriram para visitação depois de ficarem fechados por meses, em consequência da pandemia do novo Coronavírus.

Difícil controlar o estresse na pandemia?

Na semana em que se comemora o dia Dia Mundial de Combate ao Estresse (23) resultados de estudos comprovam que nos últimos seis meses, devido à pandemia do COVID, a demanda por medicamentos para estresse, depressão e insônia, aumentou.
Continua após publicidade