19 C
Vitória
sexta-feira, 7 agosto, 2020

Dia da Moqueca Capixaba será comemorado neste domingo (30)

Leia Também

Copom reduz Selic de 2,25% para 2% ao ano, no menor patamar da história

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu na noite desta quarta-feira, 5, por unanimidade, reduzir a Selic, a taxa básica juros,...

Aneel aprova reajuste médio de 8,02% nas tarifas da EDP Espírito Santo

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta quinta-feira, 6, um reajuste médio de 8,02% nas tarifas da EDP Espírito Santo (Escelsa).  Para...

Procon da dicas para compras no dia dos Pais

O Dia dos Pais será celebrado neste domingo (9) e o Procon Vila Velha dá uma série de dicas importantes para os consumidores, relativa...

A data foi instituída por meio de lei municipal nº 8.313/12 e faz parte do calendário oficial de Vitória

Um dos mais tradicionais pratos típicos do Espírito Santo, a moqueca capixaba, ganhou uma data só dela, conforme a lei municipal nº 8.313/12. O Dia da Moqueca Capixaba é celebrado neste domingo (30).

A moqueca é uma herança da tradição pesqueira local, que criou pratos que somente são encontrados no Estado. Se tornou uma das iguarias mais consumidas, seguida da muma de siri e da caranguejada.

O presidente da Companhia de Desenvolvimento, Inovação e Turismo de Vitória (CDV), Leonardo Krohling, disse que “a moqueca no Espírito Santo é um assunto muito popular, e os turistas que aqui passam têm que degustar esse delicioso prato, o mais famoso do Estado e exemplo de gastronomia, cultura e tradição capixabas”.

Para consumir a iguaria basta procurar restaurantes especializados. A Ilha das Caieiras também é uma boa dica para encontrar a moqueca capixaba.

Confira a receita e saiba como prepará-la:

Rendimento: prato para 6 pessoas.

Ingredientes

  • 1,5kg de peixe fresco (robalo, badejo, papa-terra, ou namorado);
  • 3 maços de coentro;
  • 3 maços de cebolinha verde;
  • 2 cebolas brancas (pequenas);
  • 3 dentes de alho;
  • 4 tomates;
  • 3 limões;
  • azeite de oliva;
  • sementes de urucum;
  • pimenta-malagueta (opcional);
  • óleo de soja ou algodão;
  • sal fino.
Modo de fazer
  • Limpe bem o peixe, corte-o em postas de 5cm de largura, lave-o com limão e deixe-o em uma vasilha com água de sal fraca. Separe a cabeça para preparo do pirão.
  • Soque juntos o alho e o sal.
  • Em uma panela de barro (grande), coloque um pouco de óleo de soja ou de algodão (duas colheres) e azeite de oliva (uma colher) e adicione a massa obtida no socador, passando-a no fundo do recipiente.
  • Retire as postas de peixe da vasilha com água e sal. Vire as postas de um lado para outro na panela, arrumando de modo que não fiquem umas por cima das outras.
  • Corte o coentro, o tomate e a cebola e os coloquem, nesta ordem, por cima das postas de peixe que estão na panela. Regue com azeite e suco de limão.
  • À parte, frite, em um pouco de óleo quente, uma colher (sopa) de sementes de urucum. Depois de fritas, retire-as. Na hora de levar ao fogo para cozinhar, despeje um pouco desse óleo por cima do peixe para dar cor. Quando começar a abrir a fervura, verifique o sal. Não ponha água, não vire as postas e cozinhe com a panela bem tampada.
  • Verifique o paladar do sal e do limão. Deixe no fogo forte por 20 a 25 minutos. Balance de vez em quando a panela com o auxílio de um pedaço de pano grosso para que as postas de peixe não agarrem no fundo. Quando for à mesa, salpique coentro picadinho.
  • Como complementos da moqueca capixaba são indispensáveis o arroz branco, o pirão e o molho.

Pirão

  • Use os mesmos temperos da moqueca, reduzindo-os à metade. Aproveite a cabeça do peixe ou uma das postas, previamente separada para esse fim. Proceda da mesma forma, desta vez adicionando de três a quatro copos de água ao peixe.
  • Quando estiver cozido, escorra e o desfie. Junte o peixe ao caldo novamente, deixe ferver e, quando estiver no ponto máximo de fervura, vá jogando a farinha de mandioca lentamente para não embolar, mexendo aos poucos com um garfo. Pronto o pirão, corte o coentro e o espalhe por cima antes de servir.

Molho

  • Amasse seis pimentas malaguetas no suco de dois limões e três colheres de vinagre de boa categoria.
  • Corte uma cebola em fatias bem finas, fazendo o mesmo com o coentro e as cebolinhas. Misture tudo à medida que for regando com o azeite. Se o molho ficar muito picante, coloque um pouco de água.
Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Balança comercial tem superávit de US$ 8,060 bilhões em julho

O resultado de julho foi mais do que o dobro registrado no mesmo mês do ano passado, quando foi positivo em US$ 2,391 bilhões

Educação é a maior despesa dos municípios capixabas

Levantamento da 26ª edição do anuário Finanças dos Municípios Capixabas, da Aequus Consultoria, publicado em julho de 2020, traz um apanhado detalhado da gestão...

Iluminação de Vila Velha: confira resultado do leilão

O parque de iluminação pública de Vila Velha (ES) será ampliado e modernizado pelo Consórcio SRE – IP Vila Velha, pelos próximos 20 anos.

Dia dos Pais: 47,8% das pessoas comprarão presentes on-line

De acordo com uma pesquisa, 57,6% das pessoas entrevistadas pretendem celebrar o Dia dos Pais; 21,5% ainda estão na dúvida sobre comemorar ou não.

Vida Capixaba

Novas pinturas do Homero Massena são descobertas

Uma equipe que trabalha na reforma e conservação do Museu Homero Massena, teve uma supresa! Por trás de várias camadas de tinta de uma...

Procon da dicas para compras no dia dos Pais

O Dia dos Pais será celebrado neste domingo (9) e o Procon Vila Velha dá uma série de dicas importantes para os consumidores, relativa...

Programação cheia no Drive-In de Jardim Camburi

Show de rock e apresentação de circo são algumas das atrações que prometem animar a programação neste fim de semana no Drive-In Por Leticia Vieira  Promessa...

Formemus 2020: programação 100% on-line

Conferência que promove debates sobre o segmento musical no Espírito Santo, no Brasil e no mundo, está confirmada para acontecer entre os dias 7...
Continua após publicidade