25.6 C
Vitória
sexta-feira, 14 agosto, 2020

Por que mais de 70% dos consumidores brasileiros preferem a internet?

Leia Também

Planos de saúde vão cobrir exames para detecção do novo coronavírus

Os exames poderão ser feitos nos pacientes com síndrome gripal ou síndrome respiratória aguda grave (SRAG)

Virou lei: Síndicos terão que enviar denúncias de agressões às autoridades

Mais um passo importante no enfrentamento à violência contra os mais vulneráveis na Capital. A lei nº 9.653/2020, de autoria do vereador Wanderson Marinho (PSC), ...

Indicador mostra inflação mais alta para famílias de renda menor

O Indicador de Inflação por Faixa de Renda referente a julho, divulgado hoje (14) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), revela expansão da...

O que faz um consumidor preferir adquirir seus produtos na internet? Ou melhor, o que faz ele ainda ir a uma loja física para consumir?  

Agilidade, comodidade, melhores preços e condições. Esses são uns dos motivos que levam 82% dos consumidores brasileiros com acesso à internet já se renderam às compras on-line. Segundo levantamento realizado pela plataforma de pesquisa de mercado NZN Intelligence, 74% destes consumidores preferem a modalidade on-line em relação às compras realizadas em lojas físicas.

Porém, a preferência por ir a um estabelecimento ainda é realidade para 26% dos participantes. A falta de confiança para informar o número do cartão e dados pessoais é o primeiro motivo citado por essa parcela de entrevistados, o que significa 40% deste grupo. Na sequência, aparecem o medo de não receber o item adquirido (25%), a possível enganação em relação ao pagamento (10%) e, por fim, o fato de nunca ter encontrado preços bons de verdade (7,5%).

Jornada de compra

Para aqueles que procuram um item pela internet, a aquisição nem sempre acontece imediatamente após uma ótima promoção. Para saber se a loja é confiável, 82% dos brasileiros afirmam consultar a reputação do e-commerce em plataformas de reclamação, como Reclame Aqui e Consumidor. Pesquisar em vários sites antes de realizar uma compra também é uma prática adotada por 81% dos respondentes — que preferem investir um tempo em buscas antes de adquirir um item on-line. Já para 12%, a transação acontece sempre no mesmo e-commerce, considerado de confiança.

Quando o assunto é a melhor condição de compra, os consumidores contam com a ajuda de algumas ferramentas que auxiliam no desafio de encontrar preços baixos e bons produtos. Para a busca, metade dos entrevistados dizem utilizar primeiramente as opções oferecidas no Google. Já 40% afirmam usar os recursos oferecidos por ferramentas de ofertas, como Buscapé e Zoom, para localizar as condições mais vantajosas. Obter referência com especialistas no assunto é a saída para 22% das pessoas — que procuram a indicação de itens em sites de conteúdo. Essas três opções de procura deixam para trás as “redes sociais”, com 11% das escolhas, e a “consideração de amigos e familiares”, que aparece com 10% das menções.

Ferramentas de proteção ao consumidor on-line também são bastante usadas com fonte de credibilidade de um site (Fotografia – site)

Frequência e preferência

A frequência de compras on-line também é um fator importante, principalmente para os e-commerces, que avaliam a retenção de seus clientes quando um novo processo de aquisição é realizado. Segundo os dados analisados, 37% dos respondentes afirmam que a compra on-line é uma realidade mensal. Já 27% adquirem produtos nessa modalidade pelo menos uma vez a cada 3 meses, e 15% dizem optar por esse tipo de compra uma vez a cada 6 meses. Enquanto isso, para 10% a realidade é outra: quase nunca recorrem a lojas online.

O levantamento ainda apontou as cinco categorias de produtos que os consumidores mais desejam adquirir pela internet. Na liderança aparece a categoria Eletrônicos (computadores, smartphones e tablets), seguida por Hardware e Games (placa de vídeo, processador, console e jogos). Na sequência, surgem Roupas e Acessórios, Viagens (passagem aérea, reserva de hotel etc.) e Eletrodomésticos e Utensílios Domésticos.

*Da redação

Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

ESB 179 Digital
Continua após publicidade

Fique por dentro

Com pandemia, Brasil tem queda recorde da atividade no 2º trimestre

Os dados do BC já levam em conta os ajustes sazonais, o que permite a comparação de um trimestre com os três meses imediatamente anteriores

Idaf realiza ação educativa na Ceasa/ES

Com o objetivo de conscientizar produtores rurais e compradores sobre a importância do Serviço de Inspeção Oficial nos produtos de origem animal, o Instituto...

Bater ponto de trabalho a distância vira questão com pandemia

A Reforma Trabalhista de 2017 regulamenta o teletrabalho como uma prestação de serviços fora das dependências do empregador

Setor de serviços cresce 5% de maio para junho, diz IBGE

O volume de serviços no país cresceu 5% em junho na comparação com o mês anterior. A alta veio depois de quatro quedas consecutivas...

Vida Capixaba

Novas passarelas de pedestres em Viana

A Eco101 iniciou as obras para a implantação de mais três passarelas de pedestres na BR-101/ES/BA, totalizando 19 estruturas ao longo da rodovia. Atualmente, existem...

Durante a pandemia, a pele também precisa de cuidados

Entre o medo do contágio e a vontade de que tudo volte à normalidade, a pandemia despertou nas pessoas uma maior preocupação e cuidados...

O Pequeno Príncipe traz poesia às telas em espetáculo ao vivo

Conhecido do público infantil e adulto, o conto ‘O Pequeno Príncipe’, do escritor francês Antoine de Saint-Exupéry, sai dos livros e chega aos palcos,...

Bike se populariza em tempos de coronavírus

Para fugir das lotações, dos atrasos e riscos de contaminação do transporte público, muitas pessoas se tornaram adeptas das bicicletas neste período Que táxi, que...
Continua após publicidade