23.7 C
Vitória
sábado, 11 julho, 2020

Comércio exterior: um sonho possível para todas as empresas

Leia Também

Verstappen crava melhor tempo dos treinos livres do GP da Estíria

Neste domingo, a largada será às 10h10. Saiba mais! O holandês Max Verstappen foi o mais rápido da sexta-feira nos treinos livres do GP da...

Feirão Limpa Nome: seis passos antes de renegociar!

Mas antes de ir para a etapa de negociações é importante que o consumidor conheça seus números e faça uma faxina financeira.

Obesidade e sedentarismo: os vilões da quarentena

No Brasil, a obesidade e o sedentarismo já acometem um em cada cinco habitantes, sendo que mais da metade da população está acima do peso normal.

Capixaba Natália Gaudio defende maior longevidade para atletas brasileiras

Após estar na Rio 2016, atleta quer Tóquio e não descarta Paris. Saiba mais! A capixaba Natália Gaudio pratica ginástica rítmica desde os seis anos....

A opção pelo mercado externo exige uma preparação para que a empresa faça uma inserção adequada

O momento econômico continua um desafio para os empreendedores do nosso país. Abrir e manter um negócio nos dias atuais é uma tarefa desafiadora para muitos empreendedores. Mas é neste cenário que as empresas passam a dar mais atenção à gestão de custos, às estratégias comerciais, à inovação. Na busca pela competitividade, surgem iniciativas empresarias em busca de novos mercados, para além das fronteiras da nação.

Exportar é uma ferramenta importante para a geração de receita. Não pode ser uma “aventura oportunista” em hipótese alguma. A motivação para exportar baseia-se na existência de uma recessão interna, na variação cambial ou na criação de demanda. Mas mais que uma motivação, a opção pelo mercado externo exige uma preparação para que a empresa faça uma inserção adequada.

Apoio

O Bandes desenvolve ações voltadas para o apoio às exportações e participa de vários programas com o objetivo de promover essa cultura: o Plano Nacional da Cultura Exportadora (PNCE) é uma delas. O PNCE é um programa do Ministério da Indústria Comércio Exterior e Serviços (MDIC) que instituiu uma metodologia para a internacionalização de empresas. Esta metodologia criou a chamada “trilha da internacionalização”, que segmenta o processo exportador em fases (sensibilização, inteligência comercial, adequação de produtos e processos, promoção comercial e internacionalização).

Exportar é uma ferramenta importante para a geração de receita. Não pode ser uma “aventura oportunista” em hipótese alguma.

O Programa de Qualificação para Exportação (PEIEX) é uma ação vinculada ao PNCE e tem por proposta a capacitação das empresas. No PEIEX a empresa é avaliada quanto ao perfil exportador, recebe um acompanhamento de técnicos especializados em exportação. Estes especialistas visitam a empresa e fazem um diagnóstico do que será necessário para que a empresa seja exportadora. Todo este processo é custeado pelo próprio PEIEX, não havendo necessidade de desembolso por parte da empresa.

Há várias ações voltadas para cada uma das fases de maturação do processo exportador.  Ações para promoção comercial ou de capacitação promovidas por instituições Federais e estaduais.

No Bandes, o programa Bandes Export visa apoiar empresas que queiram exportar ou aquelas que já exportam, através de ações de sensibilização e de linhas de crédito a exportação. Todo este contexto trabalha o desenvolvimento da cultura exportadora nas empresas, considerando que a exportação pode ser uma ferramenta de equilíbrio para os vários negócios, quando as empresas se preparam para manter o atendimento tanto no mercado interno como ao externo, gerenciando basicamente a dose de esforço que dará a cada um na medida em que a economia for se comportando. A cultura exportadora promove a manutenção de mercados e viabiliza uma inserção mais qualificada no mercado externo.

Exportar está ao alcance de todas as empresas. Com método, planejamento e estruturação, as nossas empresas capixabas podem entrar no mapa.


Aroldo Natal Silva Filho é Diretor-presidente do Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes)

Continua após a publicidade

ES Brasil Digital

Continua após publicidade

Fique por dentro

Feirão Limpa Nome: seis passos antes de renegociar!

Mas antes de ir para a etapa de negociações é importante que o consumidor conheça seus números e faça uma faxina financeira.

CNI: confiança dos empresários da indústria melhora pelo 3ª mês seguido em julho

As expectativas com relação aos próximos seis meses já são otimistas", destacou a CNI, no documento. Confira! Por Eduardo Rodrigues (AE) Após bater no fundo do...

ArcelorMittal Tubarão religará o segundo alto-forno neste mês

O equipamento, com capacidade para produção de 1,2 milhão de toneladas de ferro gusa/ano, estava paralisado desde o ano passado, quando passou por uma ampla reforma de manutenção.

Saques do auxílio emergencial e do FGTS antecipados. Como fazer?

Muitos brasileiros estão recebendo os valores por meio do aplicativo Caixa Tem. Para isso, algumas fintechs permitem que a transferência seja realizada antecipadamente.

Vida Capixaba

Escolas de Vila Velha são notificadas por não dar descontos nas mensalidades

As instituições privadas de ensino que não estão aplicando o desconto previsto na Lei Estadual nº 11.144/2020, válida a partir do dia 19 de junho.

Tempo instável neste fim de semana no ES. Confira a previsão!

Uma frente fria se afasta lentamente em direção ao norte do Espírito Santo, mas o tempo permanece com muitas nuvens e poucas aberturas de sol na maior parte do Estado.

Famílias têm papel fundamental na relação da criança com mundo digital

Rotinas offline ajudam a criança a desenvolver autorregulação. Saiba mais! Durante a pandemia de covid-19, os dispositivos eletrônicos com acesso à internet se tornaram...

Vacinas contra gripe para público em geral

Desde o dia 30 de junho, não há mais grupo prioritário. Com isso, todas as pessoas podem receber a dose.
Continua após publicidade