23.3 C
Vitória
domingo, 14 DE julho DE 2024

Comércio capixaba cresce mais que o nacional pelo segundo mês consecutivo 

Pesquisa aponta aumento de 1,2% no varejo capixaba, enquanto a média nacional ficou em 0,9%

Por Redação

O comércio no Espírito Santo performou em alta, tanto no varejo quanto no comércio ampliado, ambos acima do desempenho nacional, na passagem de março para abril de 2024. Os dados mais recentes da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), divulgada pelo IBGE em junho e analisada pelo Connect Fecomércio-ES, apontam um aumento de 1,2% no varejo capixaba, enquanto a média nacional ficou em 0,9%.

- Continua após a publicidade -

No comércio ampliado do Espírito Santo, o aumento foi de 1,5% no período, enquanto, no contexto nacional, houve decréscimo de -1%.

Na comparação interanual, também houve um desempenho acima do nacional, entre abril de 2024 e o mesmo período de 2023, com um aumento de 3,8% no varejo capixaba e 2,2% no Brasil. Já no comércio ampliado, o crescimento foi de 7,9% no Espírito Santo, enquanto o Brasil cresceu 4,9%.

“Isso indica que os capixabas foram às compras no mês de abril, aproveitando os descontos das lojas, frete grátis, além da Páscoa, que movimentou o Estado como um todo”, afirma Ana Carolina Júlio, doutora em Administração e coordenadora do Observatório do Comércio, o Connect Fecomércio-ES.

Dentro do comércio varejista, o segmento que mais se destacou foi “Outros artigos de uso pessoal e doméstico” (+42,2%), no qual estão incluídos lojas de departamentos e demais estabelecimentos que oferecem produtos para decoração, utensílios domésticos, higiene pessoal, beleza e cosméticos.

O crescimento de “Móveis e eletrodomésticos” (+32,2%) evidencia uma grande movimentação com produtos desse segmento no mercado capixaba.

O setor de “Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos” (+27,9%) está em crescente alta.

“Combustíveis e lubrificantes”, que ficou negativo no mês anterior, fechou abril performando em +5,9%. Isso pode ter sido influenciado pela alta nos serviços de transportes, que registrou um acumulado de 7,6% no Estado, como publicado no relatório Connect PMS.

“Tecido, vestuário e calçados”, possivelmente, com as promoções no mercado, conseguiu se recuperar e fechar positivo em 1,1%. “Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo” teve um crescimento tímido (+0,5%), favorecido pelas vendas da Páscoa.

No comércio ampliado, também na comparação interanual, o grupo de atividades que se destacou foi o segmento de “Veículos, motocicletas, partes e peças”, crescendo 24,5%.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 222

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA