24.4 C
Vitória
sábado, 4 dezembro, 2021

Com receita de mais de R$ 1,5 bilhão, Elfa cresce 178,5%

Foram concluídas duas aquisições; Companhia recebeu as certificações ISO 37001 (Sistemas de Gestão Antissuborno) e ‘Women On Board’

A Elfa, uma das principais provedoras de soluções e serviços de logística em saúde no Brasil, fechou o segundo trimestre deste ano com uma receita líquida de R$ 1,5 bilhão, registrando um crescimento total de 178,5% em relação ao mesmo período do ano passado e crescimento orgânico de 40,6%. Desde abril deste ano, a empresa concluiu duas aquisições que movimentaram mais de R$ 110 milhões (Grupo Anbioton e Biodente).

No segundo trimestre deste ano, a companhia apresentou Lucro Bruto de R$ 258 milhões, um crescimento de 289% em relação ao mesmo período do último ano. Já lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado ficou em R$ 113 milhões, representando um avanço de 322%. O Lucro Líquido Ajustado cresceu 355%, alcançando a marca de R$ 109 milhões.

O CEO da Elfa, José Antonio Vieira, comenta os resultados alcançados desde o início deste ano pela companhia. “No consolidado do primeiro semestre de 2021, a receita líquida atingiu R$ 2,8 bilhões, promovendo um crescimento total de 185,6% e aumento orgânico de 38,0%. Estes resultados são consequência dos efeitos esperados das oito aquisições e da fusão com a Atrial consolidadas desde julho do ano passado. Além disso, temos também a forte performance comercial orgânica com destaque para as Especialidades Farmacêuticas, que apresentou elevação de volumes e a resiliência de um portfólio diversificado, mesmo com os desafios que continuam sendo impostos pela pandemia”, destacou.

Certificações se destacam

Uma das conquistas mais recentes da companhia foi receber a certificação ISO 37001, que é um selo concedido para as empresas que possuem um sistema de gestão antissuborno com um alto padrão de qualidade.

“A obtenção da certificação ISO 37001 é um grande marco para a companhia e reflete a nossa constante busca por ser um agente ativo no processo de transformação do setor, construindo um ambiente mais ético e com altos padrões de compliance. Essa certificação comprova de forma concreta o compromisso que foi adotado por todos os setores da companhia com os devidos processos de controle e cuidados estabelecidos pelo nosso Programa de Compliance”, ressaltou o CEO.

Além do ISO, a Elfa também recebeu o Selo ‘Women on Board’ (WOB), que é uma iniciativa independente, apoiada pela ONU Mulheres, que reconhece as companhias que têm pelo menos duas mulheres nos conselhos de administração ou consultivos. Vale destacar também que a companhia teve o pedido de listagem no segmento do Novo Mercado da B3, deferido em junho deste ano.

Com informações de Agência Brasil

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade