33 C
Vitória
sexta-feira, 3 abril, 2020

Clientes do Banescard poderão pagar IPTU com pontos do cartão

Leia Também

Entretenimento e conhecimento sem sair de casa. Veja como!

O YouTube é um meio de adquirir conhecimento por meio dos canais que nele são mantidos. Conheça as dicas selecionadas por ES Brasil!

Mandetta ‘não vai pedir o boné’, diz Maia

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), voltou a defender de forma veemente o ministro da Saúde, Henrique Mandetta, garantindo que ele tem o apoio de toda a sociedade.

Teste para covid-19 de Trump dá negativo

O médico Sean Conley afirmou que Trump está saudável e sem sintomas. O anúncio foi realizado nessa quinta-feora (02)

Novo coronavírus: 139 casos confirmados e 4 mortes

Destes, 13 pacientes já estão curados, 97 estão em isolamento residencial e 29 estão internados, sendo 20 em Unidades de Terapia Intensiva (UTI).

“Essa iniciativa é inovadora, porque fortalece os municípios e ajuda a alavancar a economia das regiões capixabas. O IPTU é um tributo de extrema importância e o convênio entre a Associação dos Municípios do Espírito Santo (Amunes) e Banestes vai garantir o crescimento da arrecadação própria das cidades que aderirem ao Programa”, destacou o governador Renato Casagrande na última quinta-feira (28), na solenidade de assinatura de convênio de cooperação técnica entre o Banestes e a Amunes.

O convênio tem como objetivo a implantação do Programa de Fidelidade Banescard para pagamento de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). O valor das compras feitas com o Banescard – o cartão de débito e crédito bandeira própria do Banestes – será convertido em pontos para fins de pagamento do IPTU 2012 e dos anos seguintes.

Para o governador, ainda, a proposta do Banco está de acordo com as políticas públicas da atual gestão, focada no desenvolvimento regional e na geração de oportunidades para os capixabas. “Vivemos um bom momento em nossa economia, crescemos acima da média nacional e queremos dividir essas conquistas com a população do Espírito Santo”, afirmou.

O governador encerrou seu pronunciamento afirmando que o Banestes vai expandir as fronteiras do Banescard para todo o território nacional e, futuramente, pode crescer mais. “Temos um produto próprio e consolidado de um banco público, e não faltará estrutura política do Governo para manter a competitividade do Banestes”, concluiu Casagrande.

Ainda durante a solenidade, o governador em exercício, Givaldo Vieira, assinou a retransmissão do cargo ao governador Renato Casagrande, após sete dias de recesso do titular do Executivo estadual. O vice-governador Givaldo Vieira agradeceu ao governador Renato Casagrande pela confiança depositada e aos capixabas pelo carinho com que foi recebido por onde realizou atividades.

“Primeiramente, quero demonstrar minha gratidão ao nosso governador e à boa receptividade que encontrei nos municípios durante as 13 agendas públicas que fiz pelo Estado. Nesses sete dias, trabalhei para manter o funcionamento do Governo, principalmente dos serviços públicos para benefício dos cidadãos, bem como, quando foi necessário, me reuni com a equipe e tomei decisões necessárias para a gestão”, afirmou.
Casagrande agradeceu pelo apoio do vice-governador que esteve à frente da administração e manteve as atividades de rotina, inclusive no interior do Estado e, segundo ele, “é bem preparado para conduzir o Espírito Santo em qualquer momento, sempre que necessário”.

Da cerimônia de assinatura de convênio de cooperação técnica entre Banestes e Amunes participaram também o diretor-presidente do Banestes, Bruno Negris, diversos prefeitos de cidades capixabas e demais autoridades municipais, além de dirigentes da Amunes, do Banestes e de outros órgãos públicos.

Benefícios
“O Programa traz benefícios importantes para os cidadãos, que vão ganhar bônus para o pagamento do IPTU, e também para o fortalecimento dos municípios”, destacou Gilson Amaro, presidente da Amunes e prefeito de Santa Teresa.

O diretor-presidente do Banestes, Bruno Negris, assinalou que o Programa de Fidelidade vai beneficiar, sobretudo, as pessoas de classes menos favorecidas que usam o cartão e não têm benefícios nos programas de fidelidade tradicionais. “Vai também contribuir para o cidadão manter o seu IPTU em dia, reduzindo as despesas que, normalmente, são elevadas no início de cada ano”.

Quanto aos benefícios para os municípios que aderirem ao Programa, o dirigente aponta que a parceria vai garantir as receitas tributárias próprias da Prefeitura.

O convênio vai também fortalecer o Banescard, que, lançado em março de 2008, é a maior bandeira de cartões em atuação no Estado do Espírito Santo, com uma rede afiliada de 26,6 mil estabelecimentos. Para firmar essa parceria, a prefeitura deve possuir convênio de arrecadação de IPTU com o Banco estadual.

“Com o Programa, o Banco espera alavancar as vendas por meio do Banescard em até 100% e aumentar em 30% a rede de POS [máquina leitora de cartão]”, frisou o diretor-presidente.

Contagem de pontos
A contagem de pontos do Programa de Fidelidade Banescard começa no dia 1º de agosto próximo e valem as compras efetuadas tanto na função débito quanto na função crédito . Mas é preciso que o cliente observe o seguinte: para que as compras no débito possam ser trocadas por pontos, é preciso fazer também compras na função crédito.

No dia 15 de agosto próximo, o Banestes publicará em seu site o regulamento do Programa de Fidelidade Banescard. Já o primeiro extrato sairá em 1º de novembro.

Novos projetos
Negris fez uma apresentação do desempenho do cartão desde a sua criação, em 2008. Hoje, o Banescard conta com 26,6 mil estabelecimento filiados e é a maior bandeira de cartões em atuação no Estado do Espírito Santo. Em 2010, o volume de vendas com o Banescard atingiu R$ 477 milhões e neste ano, até junho, 260 milhões.

“Novos projetos envolvendo o Banescard estão em andamento, entre eles, a validade em território nacional, por meio de parceria do Banco com a Cielo e a Redecard, e a implantação de chip para maior segurança do cliente”, assinalou Negris.

Publicidade

ES Brasil Digital

ES Brasil 174
Continua após publicidade

Fique por dentro

Venda de imóvel? Saiba o que é lucro imobiliário e o impacto no IR

O ucro imobiliário se configura quando o proprietário vende um imóvel por um valor mais alto do que comprou. Veja os impactos causados no IR.

Coronavírus pode reduzir exportações em US$ 18,6 bi, informa CNI

A projeção inicial foi baseada na estimativa de que o PIB global encolherá 1,1% em 2020. A quantidade exportada deve cair 56 milhões de toneladas.

IPRF: prazo para entrega é prorrogado pelo governo

O prazo para a entrega do IPRF foi alterado para 30 de junho, mas mesmo tendo mais tempo, não deixe para a última hora. Saiba mais!

Inspire-se: aprenda a poupar e a investir com bons livros

Conheça alguns títulos que podem ajudar a você e a sua família a entrar nos eixos Mesmo com tantos bons exemplos nas prateleiras das...

Vida Capixaba

Semana Santa marcada pela tradicional torta capixaba

A tradicional Torta Capixaba, um dos pratos mais tradicionais da época, será vendida nos estabelecimentos, apesar da crise causada pelo novo coronavírus.

Tempo: o que esperar para abril?

O mês de abril será marcado por temporais, chuvas volumosas e potencial para alagamentos. O mês começa com alerta e situação de perigo para chuvas fortes.

Camerata Sesi apresenta a live: “Café com Maestro”

Com o tema “Os benefícios da música na educação musical”, o maestro Leonardo David convida a musicista Fabi Cruz para a live nesta quarta (01), às 17h

Livros disponibilizados gratuitamente. Confira como acessar!

A Amazon, em parceria com autores, liberou o acesso às obras mais clássicas da literatura. Basta fazer o download e lê-los onde quiser!
Continua após publicidade