Chuvas ainda atingem o Espírito Santo

As ruas estão completamente alagadas na Grande Vitória por causa das chuvas. - Foto: Aline Pagotto / Next Editorial

As fortes chuvas continuam assolando o Estado. Mais de 700 pessoas continuam desalojadas

As chuvas continuam assolando o Espírito Santo. Desde o dia 12 de novembro, 608 pessoas estão desalojadas, 105 desabrigadas, 10 feridas e quatro mortes já foram confirmadas em decorrência das fortes chuvas que atingem o Espírito Santo.

Segundo a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil (CEPDEC), os maiores acumulados de chuva nas últimas 24 horas foram registrados na Serra, com 66,84 mm, em Fundão, com 52 mm, e Cariacica, com 52,43 mm.

Vitória também está em situação de alerta por conta da grande quantidade de água nas ruas, registrando 50.18 mm de chuvas. O prefeito do município, Luciano Rezende, informou que o expediente será suspenso e que é necessário buscar a Defesa Civil municipal, caso o cidadão esteja em área de risco. Confira o vídeo!

Além disso, cinco municípios permanecem em situação de emergência: Alegre, Cariacica, Viana, Domingos Martins, Marechal Floriano. Já Santa Leopoldina, continua em estado de calamidade pública.

Alagamentos

Em diversos pontos da Grande Vitória foram registrados alagamentos. Em Vitória, os bairros Jucutuquara e Centro são os que mais foram impactados até o momento.

Em Coqueiral de Itaparica, em Vila Velha, as ruas estão inundadas pela quantidade de água das chuvas. O trânsito está congestionado, pois os carros não conseguem avanças nas ruas.

Em Coqueiral de Itaparica, em Vila Velha, as ruas estão alagadas por causa das cuvas. – Foto: Letícia Oliveira / Next Editorial

Na Serra, a BR-101 está totalmente parada nos dois sentidos, próximo a Laranjeiras. Já em Cariacica, muitos pontos de alagamento foram registrados na rodovia José Sete.

Ocorrências

A Defesa Civil atendeu algumas ocorrências nessa quinta-feira (21). Em Vitória, houve o rolamento de ma pedra com aproximadamente 80 T, que continua apoiada em outra pedra no bairro Universitário. No bairro Da Penha, uma residência está condenada pelo órgão.

Em São Torquato, em Vila Velha, também foi registrado um rolamento de bloco, que atingiu uma residência. A área foi isolada e não houve vítimas.

Também foi registrado início de deslizamento de terra em área de risco em Marilândia. Uma família encontra-se desalojada preventivamente.

Em Santa Leopoldina, houve a evacuação de oito famílias por conta do risco de rompimento de uma barragem na localidade de Três Pontes. Já em Marechal Floriano, um edifício foi interditado e 50 pessoas estão desalojadas.

Previsão do tempo
Foto: Incaper-ES

Nesta sexta-feira (22), o sol volta a aparecer no Espírito Santo. No entanto, a presença da umidade trazida por ventos costeiros provocam chuvas esparsas em alguns momentos por todas as regiões capixabas, sendo que no trecho entre a Grande Vitória e a região Nordeste, a chuva será mais frequente até o fim da manhã. A temperaturas máximas estarão em elevação no Estado.

Na Grande Vitória, há presença de muitas nuvens. Há previsão de chuva em alguns momentos, sendo mais frequente até o final da manhã. Temperatura mínima de 22 °C e máxima de 24 °C. Em Vitória, a mínima de 22 °C e máxima de 24 °C.

 

Leia Também:
Conteúdo Publicitário