24.9 C
Vitória
sábado, 15 junho, 2024

Carnaval 2022: Imperatriz do Forte vai levar à avenida história dos números

Com o enredo “Em busca do 10”, a Imperatriz do Forte vai levar para o Sambão do Povo a história dos números na humanidade, misticidade e religião

Por Wesley Ribeiro

Integrando o Grupo Especial das escolas de samba, a Imperatriz do Forte será a segunda escola a desfilar no sábado, 09 de abril. Com o enredo “Em busca do 10”, ela vai levar para o Sambão do Povo a história dos números na humanidade. A letra do samba traz também a misticidade e a religião.

- Continua após a publicidade -

Arthur Kadratz, presidente da escola, explica que a escola vai contar a história dos números desde o surgimento deles, na antiguidade, passando pela sua importância na natureza, na religião e no dia a dia de uma forma geral.

Um dos carros alegóricos da agremiação vai “em busca do 10”, a nota que o grupo tanto sonha em conquistar em um ano tão especial, que marca a retomada dos desfiles e no qual se comemora o aniversário de 50 anos de existência da escola, em dezembro.

Contando as horas para o desfile, a Imperatriz do Forte convida a todos para chegar e apreciar sua apresentação. “Em busca do 10” e do título, a escola vai para a avenida com três carros alegóricos, um tripé, 15 alas e 1.200 componentes.

Assista ao clipe oficial com o samba-enredo da escola no vídeo abaixo. 

 

Imperatriz do Forte

Enredo: Em busca do 10
Cores da escola: Verde e Rosa
Ano de fundação: 1972
Títulos conquistados: 01
Sede no Bairro: Forte São João

Samba-enredo

Surgiu na Índia na antiguidade
A Ásia anuncia pra humanidade
Os “”números”” Que regem as “”fases da lua””
Em cada estação a sua beleza
Sete cores de magia
Esplendor da natureza
O novo dia, aquece o meu coração
prece pra quem tem fé
Protege quem tem axé

É verde rosa a minha identidade
Me sinto a vontade
O destino quis assim
Bilhete premiado, sonho encantado
E o futuro o que será de mim

O filho do “Forte”” se entrega a sorte
Não teme o azar
Doce melodia, emoção e fantasia
Um ano pra se trabalhar
E o sonho vira realidade
Na “Alegoria”” do meu coração
Garra e força do meu pavilhão
Chegou a hora não me leve a mal
Canto em meus versos toda a minha inspiração
Sou bem mais que especial
A minha conquista vem no carnaval

A escola do povo chegou
O berço do samba “”é a Imperatriz””
Gira coroa, reluz o meu sonho
O “Dez” que eu sempre quis”

Composição

Produção Musical e Arranjos: Glaydson Santos.
Miragem e Masterização: Renato Moreira.
Assistente de Gravação: Leandro Campanha.
Apoio a produção: Esmeralda M. Santos da Silva
Gravado no Estúdio Don de setembro à dezembro de 2021.

Cavaco, Bandolim, tantan e congas: Glaydson Santos.
Violões: Ednei Fernandes.
Cuicas: Pequê e Mestre Jorginho.
Zabumba e triângulo: Leandro Campanha.
Complementos de Tamborins: Walkiria, Jean, Magno, João Victor, João Henrique, Wanderson, Pequê Santos e Glaydson Santos.

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Matérias relacionadas

Continua após a publicidade

EDIÇÃO DIGITAL

Edição 221

RÁDIO ES BRASIL

Continua após publicidade

Vida Capixaba

- Continua após a publicidade -

Política e ECONOMIA