Atenção motoristas! Câmeras da Dante Michelini multarão em abril

Foto: Marcos Salles/PMV

A linha verde contará com 16 câmeras de videomonitoramento. Período de adaptação será de 30 dias

Os motoristas que passarem pela Avenida Dante Michelini, em Vitória, deverão ficar mais atentos. Isso porque a linha verde, faixa exclusiva para ônibus, táxis e vans, começará a funcionar a partir do dia 15 de março, mas os veículos que passarem indevidamente por ela poderão ser multados, em abril.

A intenção é que a faixa comece a funcionar 30 dias antes em caráter de experiência para que os condutores se adaptem às novas regras da via. Desta forma, as câmeras de vigilância da monitorarão toda a avenida a fim de encontrar as irregularidades no trânsito.

De acordo com o secretário de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana de Vitória, Tyago Hoffman, o período de experiência pode se estender, caso necessário. “Quando a linha verde for instalada, teremos um período educativo, um período de adaptação dos condutores que durará 30 dias aproximadamente. Pode ser que ela dure 60 a 90 dias. Queremos educar exaustivamente as pessoas para que elas entendam o que é a linha verde”, disse.

Segundo Hoffmann, a implantação da Linha Verde cria um espaço privilegiado para o transporte coletivo. Ele destacou que a implantação será aos poucos, pois é uma mudança cultural.

“Nossa prioridade é o transporte público, uma vez que ele transporta cerca de 60% das pessoas nos horários com maior fluxo. Além disso, é muito mais sustentável que o transporte individual. Por isso, o nome do projeto é Linha Verde, para lembrar que, ao investirmos no transporte público, estamos investindo também no meio ambiente e no desenvolvimento sustentável da cidade”, explicou o secretário.

Rotas

Inicialmente, a faixa, que terá a extensão de 3,8 quilômetros, funcionará entre o píer de Iemanjá e o cruzamento da Dante Michelini com a Avenida Norte-Sul (sentido Jardim Camburi). A velocidade máxima será de 60 km/h.

A faixa exclusiva será à direita, em função dos pontos de ônibus estarem nesse lado da pista. Nesse trecho, a via possui três faixas de rolamento, além das faixas de conversão à esquerda. A fiscalização da Linha Verde será feita por 16 câmeras de monitoramento a cada 400 metros.

O secretário disse que a Setran avalia novos trechos para a implantação do sistema, como no sentido contrário da Dante Michelini (trecho da Norte Sul até a Ponte de Camburi), na Avenida Fernando Ferrari (trecho da Ponte da Passagem até o aeroporto) e na Avenida Beira-Mar.

Multa

O secretário Tyago Hoffman informou que apenas ônibus, vans e táxis poderão circular pela linha verde. Motoristas de aplicativos de mobilidade, como Uber e 99 Pop, não poderão transitar pela via, pois não é possível identificar quando o veículo está sendo utilizado a passeio ou a trabalho.

A faixa vai funcionar de segunda à sexta-feira, das 6h às 20 horas, e aos sábados, das 6h às 14 horas. O automóvel que transitar na linha verde estará cometendo infração de trânsito média, com multa no valor de R$ 88,38 e três pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Conteúdo Publicitário