21 C
Vitória
sexta-feira, 12 agosto, 2022

Associações rurais de Atílio Vivácqua promovem desenvolvimento sustentável

cursos
Os cursos são ofertados à comunidade por meio do Senar. - Foto: Prefeitura de Atílio Vivácqua

Com apoio da prefeitura, associações no interior, com foco em áreas como desenvolvimento sustentável e geração de emprego e renda, estão sendo incentivadas a se desenvolver

Uma política pública da Prefeitura de Atílio Vivácqua incentiva o surgimento de associações, com foco em áreas como desenvolvimento sustentável e geração de emprego e renda. As ações são promovidas pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar).

Atualmente, três novas organizações rurais são estruturadas com apoio do município: a associação da localidade de Santo Antônio, que se encontra em etapa mais avançada, e as associações das comunidades de Boa Vista e de São Pedro, ambas em fase final de preparação da documentação para registro.

Durante as reuniões, as associações esclarecem informações sobre associativismo, discutem propostas de estatutos sociais e realizam planejamento estratégico. Além disso, os membros participam e cursos ministrados pelo Senar.

reunião
Reuniões são realizadas nas comunidades locais. -Foto: Divulgação

O suporte é ofertado tanto às comunidades interessadas em iniciar este tipo de trabalho, quanto às associações existentes, como as de Alto São José, Antas e Linda Aurora – todas criadas antes do início da efetivação da política pública, prevista no Plano Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável. O atendimento abrange, ainda, a Cooperativa da Agricultura Familiar (CAF) de Atílio Vivácqua.

Agroindústria e saneamento

Para incentivar o agronegócio no município, um coletivo de mulheres, da Associação dos Agricultores e Moradores de Boa Vista, trabalham na fabricação de pães, bolos, biscoitos e demais produtos. Já a Associação de Moradores e Produtores Rurais de Alto São José teve papel importante no processo de viabilização de fossas sépticas para a localidade – que estão sendo instaladas, em todas as residências, pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

O secretário municipal de Desenvolvimento Rural, José Arcanjo Nunes, explica que “os exemplos de Boa Vista e de Alto São José mostram claramente que uma associação pode contribuir, de forma significativa, para a melhoria da qualidade de vida das comunidades. Sendo assim, é importante que as associações trabalharem questões relativas à sustentabilidade, saúde, agricultura e juventude, dentre outros pontos necessários”.

Também foram criados espaços de diálogo entre empreendedores, a comunidade e o poder público. A união, a coletividade, a formalização e o respeito são princípios que representam o desenvolvimento”, ressalta o prefeito Josemar Machado Fernandes.

Como participar?

Moradores que pretendem formar associações devem ir à sede da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural, que funciona no Centro Cultural e Esportivo “Scarpão”, no bairro Niterói, e atende de segunda a sexta, das 7h às 11h e das 12h às 16h.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade