22.9 C
Vitória
sábado, 27 novembro, 2021

Asilos de vitória começam a vacinação

Vitória começou hoje (19), a imunização contra a covid-19 em asilos da capital

Por Leulittanna Eller Inoch 

Nessa primeira fase 600 idosos serão vacinados, além de trabalhadores de instituições de longa permanência e 4.100 profissionais de saúde que atuam na linha de frente no combate ao coronavírus.

As 4.769 doses chegaram a capital as 8:55 desta terça-feira e foram recebidas pelo prefeito da capital Lorenzo Pazoline, além da secretária de saúde, Thaís Cohen, e pela equipe técnica da vigilância em saúde.

“Essa vacinação significa esperança. Ela vem nos confortar e trazer uma satisfação enorme nos avanços da Medicina. Ela é nosso recurso de bloqueio de doenças contagiosas, e estamos muito satisfeitos por iniciarmos imediatamente nossa imunização”, declarou Thais Cohen.

Ela acredita que todas as doses desta primeira etapa deverão ser aplicadas até sexta-feira (22).

“Estamos muito felizes com o início da vacinação. Para esse primeiro público, não será necessário agendar atendimento nem ir às unidades de saúde. Assim que formos informados sobre a quantidade de doses que receberemos, iniciaremos o agendamento on-line, seguindo o calendário definido pelo Ministerio da Saúde”, disse o prefeito de Vitória, Lorenzo Pazolini.

Primeiros vacinados

O primeiro a ser vacinado em Vitória foi o idoso José Firmino, de 93 anos. Natural de Governador Valadares (MG), ele mora no Asilo dos Idosos de Vitória desde 2000, quando deixou a condição de pessoa em situação de rua. “Estava esperando há muito tempo por essa vacina. Senti muita firmeza com a vacinação e agora me sinto muito melhor”, declara o idoso, que já faz planos de arranjar uma namorada, agora que está imunizado.

Já o primeiro profissional da saúde a receber a vacina foi a cuidadora de idosos Márcia Regina dos Santos Evangelista, 52 anos, e que trabalha no Asilo de Idosos há 7. “Esse é um momento único, em que todos têm um objetivo em comum. Essa vacina vem somar aos esforços de todos no combate à Covid e ela também nos lembra a importância de todas as vacinas já criadas para proteger toda a população. E enquanto todos não tomarmos as vacinas, precisamos continuar cuidando uns dos outros”, afirma.

Unidades ainda não vacinam contra a Covid-19

Nesta primeira etapa da vacinação, as equipes de saúde estão indo até o público-alvo da campanha, em hospitais e abrigos. Portanto, as unidades básicas de saúde ainda não estão imunizando contra a Covid-19.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade