23.3 C
Vitória
quarta-feira, 17 agosto, 2022

Anuário da Indústria de Petróleo é lançado no Rio de Janeiro

Foto: Reprodução

O lançamento foi realizado na Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Casa Firjan), na cidade do Rio de Janeiro

O Anuário da Indústria de Petróleo no Espírito Santo, um documento foi desenvolvido pelo Instituto de Desenvolvimento Educacional e Industrial do Espírito Santo (Ideies), foi lançado nesta terça-feira (29), na Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Casa Firjan), na cidade do Rio de Janeiro.

O evento contou com a presença do governador Renato Casagrande, do secretário de Desenvolvimento, Heber Resende, o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo (Findes), Léo de Castro, o presidente da Firjan, Eduardo Eugênio Gouveia, o diretor-executivo do Ideies, Marcelo Santive, o senador Ricardo Ferraço, empresários e autoridades do Espírito Santo e do Rio de Janeiro.

Na foto estão o governador Renato Casagrande, do secretário de Desenvolvimento, Heber Resende, o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo (Findes), Léo de Castro, o presidente da Firjan, Eduardo Eugênio Gouveia, o diretor-executivo do Ideies, Marcelo Santive e o senador Ricardo Ferraço. – Foto: Giovani Pagotto/Governo-ES

O documento foi criado a fim de reunir dados e análises sobre a exploração e produção de petróleo no Estado, com o intuito de auxiliar as empresas na definição de planos de negócios, a partir de um mapa analítico com dados e informações sobre as oportunidades, bem como os desafios do segmento.

Em seu discurso, o governador Casagrande ressaltou a importância do documento e do setor de petróleo para o desenvolvimento do Espírito Santo. O Espírito Santo foi tímido em investimento em infraestrutura nos últimos quatro anos. Precisamos ter audácia sem esquecer a responsabilidade fiscal. O desafio é grande, mas vamos transformar a eficiência fiscal em serviços de boa qualidade”, disse.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo (Findes), Léo de Castro, ressaltou a importância da parceria entre os dois estados. “Precisamos trabalhar juntos nos interesses comuns do Espírito Santo e do Rio. Não acredito em fronteiras, em algo que nos é imposto geograficamente.”, afirmou.


Leia mais:

Entre para nosso grupo do WhatsApp

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

Entre para nosso grupo do Telegram

Receba nossas últimas notícias em primeira mão.

- Publicidade -

Matérias relacionadas

Continua após publicidade

Fique por dentro

Vida Capixaba

Continua após publicidade