“A educação de hoje é resultado das mazelas que o país acumulou”, diz especialista

Foto: Reprodução

O professor e coordenador do InspiraES, Aridelmo Teixeira, afirma que muitos problemas enfrentados no país hoje são herança de Portugal

Desde sempre a educação é um tema que levanta muitos debates, devido a sua importância para a sociedade. É um direito fundamental que ajuda não só no desenvolvimento de um país, mas também de cada indivíduo.

Por isso, o “InspiraES” surge com o objetivo de nortear ações para a formação de lideranças com capacitação para propor ideias e projetos que possam melhorar a vida das pessoas nas cidades, nos Estados e no país. O evento será realizado nesta sexta-feira (03), a partir das 8 horas, no auditório da Fucape, em Vitória. Saiba mais sobre o evento aqui!

De acordo com o professor e coordenador do InspiraES, Aridelmo Teixeira, muitas são as mazelas acumuladas pelo país. Ele afirma que muitas delas vem desde a época do Brasil colônia, em que Portugal cobrava impostos tributários altíssimos.

“Hoje você vê claramente as mazelas de uma pátria que não cuida dos seus filhos. Sem educação de qualidade o país está fadado a chegar onde estamos: nessa lama. Mesmo com todos os recursos naturais que o Brasil tem a sua disposição, não conseguimos ter performance”, destaca Teixeira.

O especialista respondeu ainda: 

Por que o Brasil não avançou tanto nesses anos em relação a educação de países menores?

O analfabeto de hoje é classificado com o mesmo critério de antigamente. Nós fomos afrouxando o mecanismo de classificação da pessoa. Hoje se ela copia o nome é considerada alfabetizada. O nível de burocracia que temos é herança dos portugueses. Saiu uma matéria recente que afirma que empresas que viriam ao país para investir, desistiram e foram para outro lugar porque nós temos dificuldade em atender em termos de burocracia.

Na época de Tiradentes, Portugal cobrava 20% sobre o valor da receita e chamava-se o “Quinto dos Infernos”. Hoje, estamos pagando 35%. São diversas as mazelas que estamos acumulando há algum tempo. O que é ruim estamos potencializando e o que é bom nós declinamos, que é o caso da educação.

Como o evento vai colaborar para o desenvolvimento da educação no país?

Essas mazelas deveriam ser colocadas na mesa para que a sociedade tomasse ciência, pois sem conhecimento não há como tomar as decisões corretas. É nesse sentido que o movimento Brasil 200 vem trazendo a problemática, mas não aponta só os erros. Estamos contribuindo, também, com as soluções.

O evento traçará o diagnóstico correto, discutirá com a sociedade, abordará soluções que ainda não foram aplicadas e as implementará para que possamos comemorar os 200 anos, saindo do lugar.

InspiraES
Data: 03 de maio de 2019 (sexta-feira)
Horário: 8 horas
Local: Auditório da Fucape
Endereço: Avenida Fernando Ferrari, 1358 – Boa Vista, Vitória – ES
Inscrições esgotadas

Leia mais:

 

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!