Pronto-socorro infantil ganha nome da médica assassinada

A unidade de pronto-atendimento infantil de Vitória recebeu o nome da médica Milena Gottardi Tonini, vítima de feminicídio no dia 14 de setembro

O Governo do Espírito Santo determinou que o pronto-socorro infantil do Hospital Nossa Senhora da Glória passe a se chamar Drª Milena Gottardi. Uma homenagem à pediatra oncologista assassinada a tiros a mando do ex-marido, no dia 14 de setembro, quando saía de um plantão no Hospital das Clínicas.

O decreto n°1525-S determinando a nova nomenclatura foi publicado no Diário Oficial do Espírito Santo desta quarta-feira (4), e entrou em vigor na última terça-feira (3).

Pronto-socorro infantil

A unidade de pronto-atendimento infantil que recebeu o nome de Drª Milena Gottardi, do Hospital Infantil Nossa Senhora da Glória (HINSG), funciona atualmente no HPM (Hospital da Polícia Militar).

O HINSG possui uma área física de 4.700 m², com 149 leitos de internação, atende urgência e emergência, além de realizar procedimentos eletivos e ambulatoriais. O hospital também capacita futuros profissionais na área médica (residência).

Feminicídio

A pediatra oncologista Drª Milena Gottardi, mãe de duas filhas, de 6 e 9 anos, foi assassinada a tiros no dia 14 de setembro deste ano. A médica foi baleada na cabeça, no estacionamento do Hospital das Clínicas (Hucam), em Maruípe.

Dias depois, investigadores da Polícia Civil descobriram que o ex-marido Hilário Antônio Fiorotti Frasson, também da Polícia Civil, foi o mandante do crime de feminicídio.

Leia mais:

Família de Milena ainda teme, mas está satisfeita com as investigações

Caso Milena Gottardi: Sesp dá coletiva para esclarecer morte de médica

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Favor insira seu nome