Rio de Janeiro é a primeira Capital Mundial da Arquitetura

Título foi anunciado em cerimônia na sede da Unesco em Paris, na sexta-feira (18)

A cidade do Rio de Janeiro recebeu, na sexta-feira (18), o título de primeira Capital Mundial da Arquitetura pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), durante uma reunião da instituição realizada em Paris.

De acordo com a Agência Brasil, a categoria foi criada no ano passado e é a primeira vez que uma cidade brasileira recebe a designação. Com esta denominação, o Rio de Janeiro foi escolhido para sediar o 27º Congresso Mundial de Arquitetos, em 2020.

A cidade fluminense foi selecionada para concorrer à vaga em 2014, e disputou com Paris, na França, e Melbourne, na Austrália. A partir de agora, todas as cidades escolhidas para sediar o Congresso será considerada Cidade Mundial de Arquitetura.

O presidente do Instituto de Arquitetos Brasileiros, Nivaldo Andrade, disse que “a cidade é também uma referência de desafios contemporâneos para os arquitetos e de experiências positivas no campo do urbanismo, a exemplo dos programas de urbanização de favelas. Podemos dizer que o Rio sintetiza características encontradas em cidades não só do Brasil, mas de diversos países do mundo”.

O presidente da Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura do Brasil (Asbea), Anibal Sabrosa,; o presidente do IAB, Nivaldo Andrade; a secretária Municipal de Urbanismo, Vereana Andreatta; o tesoureiro da União Internacional de Arquitetos (UIA), Fabian Llisterri; o presidente da UIA, Thomas Vournier; e o presidente do 27° Congresso da UIA 2020 , Sergio Magalhães, assinaram o documento que concede o título. – Foto: Fernando Thompson / Prefeitura do Rio

Por meio de nota à imprensa, o prefeito da cidade, Marcelo Crivella, prometeu se empenhar em transformar 2020 em um marco na história cultural da cidade, que é marcada pela diversidade de influências.

“Teremos a oportunidade de ampliar a relação de pertencimento dos moradores da nossa cidade com o seu patrimônio histórico e arquitetônico, difundindo e preservando esse acervo”, disse a nota.

Entre os locais que receberão o evento está o Palácio Gustavo Capanema, um dos principais marcos do modernismo na cidade. O projeto do prédio no centro da cidade é assinado por grandes nomes da arquitetura brasileira, como Lúcio Costa, Oscar Niemeyer e Affonso Eduardo Reidy.

Confira alguns pontos turísticos da Cidade Maravilhosa:

Fotos: Michel Filho / Prefeitura do Rio

*Da redação com informações da Agência Brasil

 

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!