Preços do milho no mercado interno podem cair

Divulgação feita pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), foi baseada no quadro de oferta e demanda da Conab

Aqueles que optarem por manter os estoques de milho com a projeção de ganhos no mercado poderão ver sua estratégia frustrada, conforme aponta o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que calcula um estoque de passagem do cereal de 4,47 milhões de toneladas em 31 de janeiro de 2017.

A produção da temporada 2015/2016 é de 69,14 milhões de toneladas segundo o quadro de oferta e demanda da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que estima que as exportações devam chegar a 22 milhões de toneladas, o consumo interno a 54,67 milhões de toneladas e as importações a 1,5 milhão de toneladas, o que poderá fazer com que os preços venham a cair.

Foto: Karine Viana

Compartilhe

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Favor insira seu nome