Dívida do cheque especial poderá ser parcelada com juros menores

cheque especial
Foto: Divulgação/Bradesco

Esta é uma das modalidades de crédito com taxas de juros mais altas, tendo chegado em fevereiro a 324,12% ao ano

Os clientes dos bancos poderão parcelar a dívida do cheque especial com juros mais baixos a partir de julho. A decisão foi anunciada nesta terça-feira (10) pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban). Cada banco vai definir a taxa de juros dessa nova modalidade.

O cheque especial é uma das modalidades de crédito com taxas de juros mais altas. Em fevereiro, chegou a 324,12% ao ano, enquanto a taxa média do crédito livre para famílias ficou em 57,72%.

De acordo com a Febraban, os consumidores que utilizam mais de 15% do limite do cheque durante 30 dias consecutivos vão receber a oferta de parcelamento.

“A oferta será feita nos canais de relacionamento e o cliente decide se adere ou não à proposta. Caso não aceite, nova oferta deverá ser feita a cada 30 dias”, explicou a Febraban.

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!