Rede estadual de ensino ganha reforço de professores e pedagogos

Os profissionais estarão nas escolas no ano letivo de 2019 (Fotografia - Secretaria de Educação)

Os novos profissionais também vão passar por formação

O governador Paulo Hartung assinou, nesta quarta-feira (31), a nomeação de mais 167 professores e pedagogos aprovados no último concurso público do magistério estadual. Os profissionais vão atuar nas escolas da rede pública estadual, com estudantes do Ensino Fundamental e Médio. O secretário de Estado da Educação, Haroldo Rocha, e a secretária de Estado de Gestão e Recursos Humanos, Dayse Lemos, estiveram reunidos com o governador nesta tarde.

“São mais 167 professores e pedagogos para fortalecer o trabalho da nossa rede educacional. Uma rede que vem conquistando belas vitória, como foram as notas em Língua Portuguesa e Matemática, no Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), colocando o Espírito Santo como o primeiro lugar do Brasil, no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb)”, destacou o governador Paulo Hartung.

Essas nomeações são para suprir as vagas dos candidatos 956 candidatos nomeados por meio do Decreto Nº 1.280-S, de 24 de agosto de 2018 e que não assumiram os cargos. No decreto citado, cerca de 600 tomaram posse, iniciaram o exercício e estão participando da Formação para Profissionais do Magistério.

As novas nomeações, anunciadas hoje, serão publicadas do Diário Oficial do Estado nesta quinta-feira (01). Os novos profissionais também vão passar por formação, para atuar nas escolas da rede pública estadual, com estudantes do Ensino Fundamental e Médio, a partir do ano que vem.

Esse concurso público do magistério ofertou 1.025 vagas para professores pedagogos, nos 78 municípios capixabas. Na atual gestão, foram realizados dois concursos públicos para o magistério. Em 2015, o primeiro concurso ofertou 1.178 vagas e os profissionais já estão atuando nas escolas da rede estadual.

Concurso

O concurso do magistério ofertou 1.025 vagas para 78 municípios capixabas e foram distribuídas por cargo/disciplina: Pedagogo (87 vagas), Arte (58 vagas), Biologia/Ciências (108 vagas), Educação Física (73 vagas), Espanhol (01 vaga), Filosofia (03 vagas), Física (67 vagas), Geografia (117 vagas), História (58 vagas), Língua Inglesa (10 vagas), Língua Portuguesa (170 vagas), Matemática (227 vagas), Química (44 vagas), Sociologia (02 vagas).

O concurso tem validade de seis meses a partir da data de homologação do resultado final, que foi no dia 28 de junho, e a previsão é que sejam realizadas outras nomeações para o preenchimento das vagas ofertadas no edital de abertura do certame.

Com este concurso, as vagas atualmente ocupadas por professores com contrato de designação temporária serão substituídas por efetivos. Assim, o Governo do Estado ganhará na operacionalidade e serão otimizados recursos.

Os salários dos professores da rede estadual podem variar entre R$ R$ 2.081,68 para docentes com licenciatura plena, e R$ 3.732,67, para os com doutorado, por 25 horas semanais. Além do acréscimo do auxílio alimentação.

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!