Mec Show movimenta mais de R$ 50 milhões

O evento recebeu cerca de 12 mil pessoas, que puderam conferir as novidades de 150 marcas e empresas

Considerada uma vitrine para o setor metalmecânico do Espírito Santo, a Mec Show realizou sua 10ª edição entre os dias 18 e 20 de julho, no Carapina Centro de Eventos. Com foco na inovação industrial, a feira deste ano movimentou mais de R$ 50 milhões de negócios e recebeu cerca de 12 mil pessoas, que puderam conferir as novidades de 150 marcas e empresas.

A abertura registrou a presença de muitas autoridades e gestores de várias esferas. O governador Paulo Hartung lembrou que a iniciativa mostra a força do Estado e sinaliza um momento de novo fôlego para a economia. “Precisamos aproveitar este primeiro momento de reação da economia e termos força e energia para assumirmos uma liderança coletiva no país. É fundamental continuar o processo de reformas modernizadoras necessárias para recuperarmos a competitividade”, disse.

Ilha da Inovação

As novas tendências de mercado e a tecnologia foram temas debatidos no estande “Ilha da Inovação”, que trouxe apresentações de casos de sucesso ligados à indústria 4.0. Daniel Freitas, da Insfor, falou das soluções criadas no campo da robótica, enquanto Yago Barbosa, capitão da equipe Warrior, da Universidade Federal de Itajubá (Unifei), explicou como funciona a construção de robôs de combate e como essa tecnologia pode beneficiar a indústria.

O tema inovação também foi bastante recorrente na apresentação do conjunto de projetos que concorreram ao Mec Inova. Uma comissão formada por várias entidades e empresas apontou os ganhadores em duas categorias: “Micro e Pequenas Empresas” e “Médias e Grandes Empresas”. Nesta última a vencedora foi a Vale, com o trabalho “Modelagem, simulação e controle do processo de pelotamento de uma usina de pelotização”. Já no último dia do encontro, aconteceu o Grand Prix Senai de Inovação, com a premiação dos melhores projetos de soluções desenvolvidos por estudantes, empreendimentos e instrutores do Senai e do Ifes. A equipe do Senai Linhares venceu nas categorias “Manufatura Integrada”, “Elétrica Industrial” e “Manutenção Mecânica”.

A programação foi encerrada com um grande tributo aos inúmeros empresários que atuaram para fortalecer o setor ao longo dos anos. “Temos uma cerimônia de premiação todos os anos, com algumas empresas que prestaram ou prestaram algum serviço para nosso sindicato sendo lembrados. Mas, em 2017, resolvemos fazer algo diferente: homenagear os associados mais antigos do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas e de Material Elétrico do Espírito Santo (Sindifer), realizadora do evento. Aqueles que iniciaram todo esse trabalho. Esses homenageados contribuíram para que a feira surgisse e se transformasse nesse sucesso”, disse o presidente do Sindifer, Lúcio Dalla Bernardina.

Confira AQUI a galeria de fotos.

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Favor insira seu nome