Marca Ambiental: papel fundamental para que ciclo da reciclagem seja realizado

Mirela Souto é Gestora de Comunicação da Marca Ambiental 

Três toneladas de pneus por hora podem ser recebidas em seu Parque de Econegócios para controle ambiental no Espírito Santo 

Desde junho de 1992, quando aconteceu no Rio de Janeiro a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, ouve-se falar mais sobre a importância de se rever comportamentos e de promover mudanças em nossos padrões de consumo e de produção. A ideia do consumo sustentável tem sido divulgada com frequência nos últimos anos, mas desde agosto de 1995 a Marca Ambiental implantou essa ideia no Espírito Santo não só com ideias, mas com atitudes que mudaram o dia a dia da empresa e o perfil ecológico do estado.

Regulamentada há oito anos, a Lei 12.305, da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), trouxe a esperança de que a gestão de resíduos tomaria outra dimensão, sobretudo, com relação ao envolvimento das pessoas no processo de geração de resíduos e de boas práticas. Chegamos em 2018 sem muitos avanços. A prova está na permanência de cerca de 3 mil lixões espalhados pelo território nacional em 3.331 municípios que recebem mais de 30 milhões de toneladas de resíduos anualmente, segundo a  Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (ABRELPE).

Com a parceria da “PneuVix Ambiental” a Central de Tratamento da Marca Ambiental oferece mais uma solução para o tratamento de resíduos. O projeto oferece soluções sustentáveis na reciclagem de pneus inservíveis, integrando tecnologias inovadoras para reciclar 100% do pneu inservível, separando borracha, aço e nylon para reintroduzi-los no mercado na forma de insumos para outros processos produtivos

Com seu Parque de Econegócios desde 2006, a Marca Ambiental incentiva empreendimentos que têm a proposta da reciclagem e do reaproveitamento de resíduos. Uma das ecoindústrias instaladas em seu site é a “PneuVix, que oferece soluções sustentáveis na reciclagem de pneus inservíveis, integrando tecnologias de caráter inovador. Assim é possível reciclar 100% do pneu inservível, separando os principais produtos: borracha, aço e nylon, reintroduzindo-os no mercado na forma de insumos para outros processos produtivos.

Com o projeto, a Pneuvix torna-se a única destinadora de pneus inservíveis do Estado do Espírito Santo fornecendo, de forma sustentável, borracha granulada, pó de borracha, negro de fumo, energia, aço reciclado, nylon reciclado e ainda uma certificação de destruição do pneu para empresas que encaminham os inservíveis para a reciclagem. Vale ressaltar que a PneuVix conta com uma planta licenciada e certificada pelos órgãos de controle ambiental, pois destina adequadamente o pneu inservível atendendo os requisitos legais e padrões ambientais.

Por não ser biodegradável e acumular grande volume, os pneus usados são considerados difíceis de serem eliminados. Sendo assim, o descarte inconsciente pode poluir rios e córregos ou mesmo servir de criadouro para mosquitos. A Pneuvix está apta a receber três toneladas de pneus por hora. Dessa forma, contribui com a logística reversa de pneus inservíveis, gerando valor socioeconômico para o ES.

O lixo que produzimos e a forma como o descartamos dizem muito sobre nossas atitudes e consciência ecológica. Além de pneus e outros produtos, a Marca Ambiental, especializada no gerenciamento integrado de resíduos, em Cariacica/ES, por meio da sua indústria de beneficiamento de plástico de baixa densidade, consegue transformar 20 toneladas de resíduos plásticos em 240 mil novas sacolas por mês. A Marca Ambiental reconhece os recicláveis como um bem econômico e de valor social.


Mirela Souto é Gestora de Comunicação da Marca Ambiental

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!