História e cultura na sede de Viana

Passear pelas ruas da sede de Viana, a 22 km de Vitória, é uma experiência que mistura história e cultura.

 

A cidade inaugurou o ciclo da imigração europeia para o Espírito Santo, que começou em fevereiro de 1813 com a vinda de alemães e italianos. E na área artística, oferece galerias e espaços para exposições e apresentações.

Um dos atrativos é a Estação Ferroviária, que foi inaugurada em 1895 ostentando o status de ser primeira construída ao longo da via que ligava, pelos trilhos, Vitória a Cachoeiro de Itapemirim.

O espaço desperta a atenção de fotógrafos e profissionais da área de diversas partes do Estado para produção de books de namoro, de casamentos e de publicidade. Embora esteja desativada para fins operacionais, toda a estrutura fica disponível para visitação. Próximo à estação, está à mostra a locomotiva a vapor 62, fabricada em 1917, originalmente pertencida ao Exército francês durante a Primeira Guerra Mundial.

A máquina foi adquirida pelo município capixaba em 2006. A aventura pelo passado continua em um dos principais cartões-postais da cidade, a Igreja Nossa Senhora da Conceição, cuja pedra fundamental foi assentada em 1815. As obras ficaram sob a responsabilidade dos primeiros imigrantes açorianos, que entregaram o templo para a inauguração realizada dois anos depois, em 22 de março de 1817. O prédio foi tombado em 1983 pelo Conselho Estadual de Cultura e recentemente foi alvo de um trabalho de prospecção para a descoberta de suas cores originais. Se o visitante puder dar uma esticada, ainda é possível conhecer a Igreja Nossa Senhora da Ajuda, construída no século 18 por jesuítas espanhóis, no distrito de Araçatiba, e as ruínas da Igreja Nossa Senhora de Belém, no distrito de Jucu.

No campo cultural, a Galeria de Arte Casarão, cuja edificação data da metade do século 19 e tem Dom Pedro II entre seus visitantes ilustres, recebe diversas exposições. Há lá um espaço anexo que funciona como um centro de vivência e que abriga um projeto de residência artística. A abertura ocorre de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

Na Casa da Cultura, a memória do povo vianense é destacada por meio de painéis, fotografias, textos e mapas da exposição permanente de Heribaldo Balestrero, importante historiador e escritor. Antes de se tornar a Casa da Cultura, o casarão de arquitetura açoriana, pertencente à família Lyrio, já abrigou a Câmara Nossa Senhora da Conceição (de 1862 a 1865) e o Mercado Municipal (1894). O acesso está liberado de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

 

Gastronomia
Cercado por muito verde, o Restaurante Vista da Mata é estruturado para receber casamentos e reuniões, possuindo um estilo rústico e oferecendo aos visitantes o som das águas que correm na mata e o canto dos pássaros da região. Nos destaques do menu, linguiça de porco caseira, galinha caipira, pernil de porco e estrogonofe de tilápia.

Restaurante Vista da Mata
Onde fica: Rua Antônio Rodrigues Siqueira, 111, Ribeira, Viana. Acesso pela BR-262, com entrada pelo bairro Ribeira – próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal.

Horários de funcionamento: 11h às 14h30 (terça a sábado) – 11h às 15h30 (domingos) 
Chef: Flávio Souza Pimentel 
Tel.: (27) 3255-2586 / 3255-1434

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Favor insira seu nome