Harley-Davidson anuncia que lançará a primeira motocicleta elétrica

Foto: Divulgação

A novidade chamou atenção dos amantes de motocicletas que perceberam que o modelo é mais “silencioso”

A Harley-Davidson, empresa especializada em motocicletas estilosas, se prepara para lançar a primeira motocicleta elétrica da marca. Uma pequena apresentação do modelo foi apresentado em 2014, em Nova York, nos Estados Unidos, mas a previsão é de que chegue ao mercado no prazo de 18 meses, e já possui o nome “LiveWire”.

Até o momento, a motocicleta segue com a configuração de alcance de cerca de 80 quilômetros e poderá acelerar de 0 a 60 milhas por hora (96 km/h) em 4 segundos. Em comparação, a Zero SR faz o mesmo em 3,3 segundos, e a esportiva Mission R tem velocidade máxima de mais de 240 km/h, com tempo de aceleração de menos de 3 segundos.

Sem dúvidas, esse será um grande desafio para a marca, uma vez que o mercado de motocicletas elétricas ainda é muito pequeno. Contudo, a investida na nova tecnologia é uma aposta da Harley-Davidson para atrair novos consumidores, já que em 2017 as vendas caíram cerca 6,7% em relação a 2016.

Fundada em 1903, a Harley-Davidson é conhecida por fabricarem motos com grandes e barulhentos motores. Os 32.000 novos compradores de motocicletas Harley-Davidson nos EUA no ano passado provavelmente adquiriram os modelos por contas do característico ronco alto e claro, mas a Harley elétrica sem dúvida será (mais) silenciosa.

A BMW já atua no mercado de motocicletas elétricas,  comercializando na Europa a “C Evolution”, uma scooter elétrica. Segundo o presidente da marca, Matt Levatich, “o mercado de motos elétricas está na infância atualmente, mas nós acreditamos que motos elétricas da Harley-Davidson ajudarão a impulsionar o segmento globalmente”.

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!