Endividamento e inadimplência das famílias de Vitória crescem em maio

Foto: Reprodução

Essa é a segunda alta consecutiva. O indicador de inadimplência das famílias de Vitória também subiu em maio

O endividamento das famílias de Vitória apresentou a segunda alta consecutiva, em maio, após dois recuos seguidos. A alta foi de 3,0 pontos percentuais passando a 68,2% o percentual de famílias que se declararam endividadas, o que representa quase 84 mil famílias da capital do Espírito Santo.

Comparado ao mesmo mês de 2017, o endividamento ficou 1,1 ponto abaixo do valor. Os dados são da Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC), divulgada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Espírito Santo (Fecomércio-ES).

O indicador de inadimplência das famílias de Vitória também subiu em maio. O percentual ficou em 49,5% do total de famílias de Vitória, sendo 3,8 ponto. acima do registrado em abril. Entre os endividados, a inadimplência ficou em 72,6%. E o percentual das famílias cuja expectativa é de que não tenham condições de pagar suas dívidas em atraso no próximo mês passou a 12,3%.

De acordo com o presidente da entidade, José Lino Sepulcri, o aumento do endividamento junto à uma situação de baixo consumo sugere a utilização do crédito para outras despesas correntes do domicílio, como compras de supermercado e pagamentos de contas da casa, por exemplo.

“Embora o mercado de trabalho formal venha reagindo de forma favorável desde o início do ano no Espírito Santo, ainda não foi suficiente para recuperar todos os empregos perdidos nos últimos anos. Além disso, a recomposição da renda familiar mensal das famílias irá acontecer gradativamente e esse início de recuperação dos empregos formais levará um tempo para surtir efeito positivo nos indicadores”, explicou.

O cartão de crédito deixou de ser o principal tipo de dívida das famílias de Vitória há sete meses. Na pesquisa de maio de 2018, o percentual dessa modalidade de crédito caiu a 39,0% da carteira de dívidas. Já o cheque especial também teve sua participação diminuída a 15,4%. O crédito pessoal e os carnês estão sendo mais utilizados e surgiram como principais tipos de dívidas das famílias nesse período: 60,3% possuem dívidas com crédito pessoal e 60,6% com carnês.

Pesquisa

A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC) é realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) em âmbito nacional e disponibilizada às federações para a elaboração das análises estaduais. A PEIC tem por objetivo dar resposta às questões sobre a investigação na área do endividamento das famílias. A pesquisa é realizada com uma amostra de, no mínimo, 500 famílias residentes no município de Vitória/ES. A análise dos dados de Vitória/ES é realizada pela Assessoria Econômica da Fecomércio-ES.

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!