1° encontro das guardas municipais femininas será nesta sexta-feira (15)

A juíza coordenadora da mulher em situação de violência doméstica do Tribunal de Justiça do Estado (TJES), Hermínia Azouri, e a juíza coordenadora das Varas da Infância e da Juventude do TJES, Patrícia Pereira Neves, participarão do encontro

O objetivo do encontro é fomentar a integração, capacitação e a troca de experiências

Vila Velha, sedia, na sexta-feira (15), o Primeiro Encontro das Guardas Municipais Femininas do Espirito Santo. O evento, que conta com o apoio da Prefeitura, será realizado de 8h às 18h, na Universidade de Vila Velha (UVV), em Boa Vista.

Na programação estão previstas exposições sobre o fortalecimento da identidade feminina nos setores da Guarda Municipal, importunação sexual, a Lei Maria da Penha e a importância da corporação no ambiente escolar cujo grupamento no município conta com a participação de três agentes femininas em postos de comando, além do relato de experiências e os desafios e conquistas da mulher na segurança pública.

Durante o encontro, a juíza coordenadora da mulher em situação de violência doméstica do Tribunal de Justiça do Estado (TJES), Hermínia Azouri, vai falar sobre o trabalho de ampliação da rede protetiva da mulher vítima de violência. O evento também contará com a participação da magistrada coordenadora das Varas da Infância e da Juventude do TJES, Patrícia Pereira Neves, que ministrar o painel “Solução Pacífica de Conflitos: Mediação, Justiça Restaurativa e Comunicação não Violenta”.

O objetivo do evento, organizado por um coletivo de agentes femininas das guardas municipais, incluindo as de Vila Velha, é fomentar a integração, capacitação e a troca de experiências entre as profissionais da área de segurança pública municipal no Espírito Santo. Outras reuniões foram realizadas na Bahia, Alagoas, Pernambuco, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Sergipe.

Conteúdo Publicitário
Compartilhe

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!