Esforço para manter o encontro entre Kim Jong-un e Donald Trump

Coreia do Norte
Líder norte-coreano Kim Jong Un e o presidente Donald Trump (Foto: Arquivo/Reuters

A Coreia do Norte anunciou a interrupção das negociações com o país do Sul por causa de exercícios militares norte-americanos

A Coreia do Sul e os Estados Unidos se mobilizam para manter a reunião entre os presidentes Kim Jong-Un, da Coreia do Norte, e Donald Trump. O encontro está marcado para o dia 12 de junho, em Cingapura.

As negociações entre as Coreias foram suspensas pelo Norte por causa de exercícios militares entre sul-coreanos e norte-americanos. O anúncio da interrupção do acordo foi repassado pela agência oficial de notícias norte-coreana KCNA nessa terça (15).

Paralelamente, o presidente da Coreia do Norte, Kim Jong-un, informou que pode cancelar a reunião de cúpula com Donald Trump. O encontro foi marcado para o dia 12, em Cingapura.

Apesar do posicionamento da Coreia do Norte, os sul-coreanos e os norte-americanos insistem nas negociações. O ministro das Relações Exteriores da Coreia do Sul, Kang Kyung-wha, esteve em contato com o secretário de Estado dos Estados Unidos (EUA), Mike Pompeo, nesta quarta (16).

Leia também:
Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!