Dívidas de empréstimos

O atraso no pagamento de empréstimos deixou 35% dos consumidores brasileiros com nome sujo, segundo uma pesquisa do CNDL e SPC Brasil.

Na avaliação do conselheiro do Corecon-ES Juliano César Gomes, o persistente nível de desemprego e a redução da renda domiciliar tem gerado diversos problemas de desequilíbrios financeiros. “Muitos recorrem aos empréstimos para o pagamento de dívidas. Entretanto, como a conjuntura econômica tem se mantido estável, sem muitas alterações de melhora, grande parte não consegue honrar seus compromissos, caindo numa espiral de endividamento”.


Leia mais

Possibilidade de Acordo de Dívidas Tributárias

Conteúdo Publicitário

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!