25.1 C
Vitoria, Espírito Vitória - Brasil
terça-feira, Maio 22, 2018
Conteúdo Publicitário

Criança é alegria

Crianças são parte da vida e enchem o mundo de felicidades É sempre mais fácil apontar o dedo. É moleza dizer: "quando eu tiver um filho, ele jamais vai agir assim", "meu filho nunca vai fazer isso ou aquilo"... Se você é desses que vive julgando os filhos dos outros e se incomodando com a presença nem sempre silenciosa das crianças,...

Não julgue

A sugestão é não julgar; e, sim, avaliar de forma simplista e com paciência Tenhamos mais tolerância com as crianças. Digo isso, especialmente, a quem não tem filhos. Lembro-me de que, quando eu não tinha filho, jamais olhei de cara feia ou me incomodei com uma criança chorando insistentemente no avião, por exemplo. Eu me colocava no lugar daquela mãe...

Sobre gente que se incomoda com criança

Algumas pessoas não sabem lidar com crianças. É necessário paciência e compaixão em uma situação como essa No meu Facebook, vi certa vez um post de desabafo de uma conhecida, que não tem filhos, reclamando que, no avião, durante uma viagem, deu o azar de sentar do lado de uma "criancinha daquelas bem pirracentas, chatinha, que chorou o voo inteiro". Fiquei...

Crianças precisam ser ouvidas

Crianças desejam ser ouvidas. Elas buscam respostas, ainda que não tenhamos as explicações Que a gente sempre tenha paciência - e tempo -, para ouvir, responder e dar atenção a nossas crianças. Que a gente evite dizer: "não posso te responder agora", "não vou falar sobre isso com você", "não tenho tempo para isso". Crianças precisam ser ouvidas. Crianças buscam respostas....

Precisamos ter tempo

Crianças (filhos) sempre serão prioridade. É necessário ter tempo para elas Há uma frase de Mário Cortella que diz muito sobre a atenção (ou a falta de) que dedicamos a nossos filhos. "Quando você diz que não tem tempo para algo, é porque aquilo não é prioridade". Crianças (filhos) sempre serão prioridade. Não digamos que falta tempo. Não as coloquemos em...

Crianças sabem das coisas

Abrir o diálogo com os filhos é importante, mas é necessário um certo cuidado Meu filho de 6 aninhos, o Arthur, me perguntou sobre a morte dia desses. Não foi a primeira vez. Desde uns 2, 3 anos de idade, ele me pergunta. Acho que seu interesse começou cedo por eu ter conversado com ele - de forma lúdica, claro, mas...

O ódio nas redes

As mídias sociais têm sido ambientes cada vez mais propícios para a disseminação do ódio. É preciso avaliar até que ponto isso pode ser nocivo Nas redes sociais, mais ódio, e um ódio que toma proporções virtuais e reais incalculáveis. As pessoas manifestam ranço e raiva de tudo: de uma simples opinião diferente da sua; de uma ideologia que condenam,...

Os ódios nossos de cada dia

Ter raiva/ódio em algumas situações é algo muito humano. Fato. Mas ter muitas raivas pode mostrar que algo não vai bem dentro de nós Não vou falar de Marielle Franco, a vereadora assassinada brutalmente no Rio de Janeiro. Embora esse tema permita uma série de reflexões importantes, vou me ater a falar de ódio, que também tem a ver com...

Pense

O impulso é um grande aliado do ódio. É necessário pensar a respeito O que eu faço é sempre tentar pensar, antes de disparar em direção a quem quer seja, no cotidiano ou no meio digital, qualquer rajada de sentimento negativo. O impulso é um grande aliado do ódio. É desse agir sem refletir que o ódio precisa para se multiplicar....

Mulheres

Mulheres costumam ser alvo fácil de críticas porque somos muito exigidas
Mulheres costumam ser alvo fácil de críticas porque somos muito exigidas Assim é na vida, de maneira geral. Por mais que a gente tente acertar, parece que o mundo está sempre pronto a nos apontar o dedo que julga e fere, com cobranças e mais cobranças, sem nem sequer conhecer a fundo a nossa realidade. Mulheres costumam ser alvo fácil de críticas porque, social...

Não é fácil…

Nunca agradaremos a todos. Seremos sempre alvos de críticas, muitas sem fundamento algum “Nossa! A Maria Clara ainda está mamando no peito? Ela já vai fazer 3 anos”, perguntou-me recentemente uma conhecida, com claro tom de desaprovação. “Sim, ainda está, e vai mamar até quando nós duas (eu e ela), acharmos que é possível”, respondi, confesso que já bem cansada desses...

Viés

Temos que caminhar muito ainda para encontrar a tal sororidade
Temos que caminhar muito ainda para encontrar a tal sororidade Não é que se tenha que concordar com tudo que todas as mulheres do mundo fazem. Mas o simples não julgamento prévio entre as próprias mulheres já ajudaria. Falta aquele “opa, calma lá, vamos avaliar melhor por que ela tomou tal decisão, por que está agindo daquela forma. Calma, não saíamos atirando pedras”. Se...

O que as perdas ensinam

Perdi meu pai e minha mãe num curto intervalo de tempo. Eu tinha meus 20 e poucos anos quando mamãe se foi e, poucos anos depois, papai também partiu. As duas perdas precoces e toda a luta que travamos quando os dois estavam batalhando pela vida, certamente, fizeram a pessoa que sou hoje e a mãe que eu viria...

Não sois máquina, mãe é que sois

Não sois máquina, mãe é que sois
Tomo a liberdade de parafrasear a famosa citação do incrível Charles Chaplin. Em sua obra “O Grande Ditador”, ele afirma “Não sois máquina, homem é que sois”, tratando do excesso de trabalho, das dominações, da opressão do mundo. Quero também falar aqui de opressões, mas as da maternidade. Não somos máquinas. Somos mães. E mulheres, profissionais, e, acima de...

Escolhas de Mãe

Decidi parar de trabalhar por um tempo logo após o nascimento dos meus filhos. No primeiro, o Arthur, hoje com 6 anos, a decisão foi bem difícil, levei alguns meses para ter certeza. Sou jornalista, tinha quase 13 anos de empresa e amava o que fazia. Mas a decisão veio, pesando emoção e razão, e fiquei dois anos totalmente dedicada ao meu...

“Vivemos tempos líquidos. Nada é pra durar” (Bauman, Z.)

Se todo início de ano é o momento propício para refletir sobre a vida, sobre os últimos 12 meses, sobre as promessas, sobre o que fazer e o que não fazer, damos partida a 2017 ainda mais motivados a isso. Depois de um 2016 de mudanças, baques e vários ciclos que se fecharam no contexto social (e, claro, no pessoal...

Dizer “não” é “dizer sim”

Tá. A gente, há muito tempo, tem jornadas duplas, triplas e, às vezes, até quádruplas. Cada uma por seus motivos. E acaba assumindo uma carga pesada demais. Recentemente, li uma matéria sobre alguns “nãos” que a gente precisa aprender a dizer, sem medo, no trabalho. E resolvi compartilhar com vocês. Bem didaticamente, vamos lá: se o fato de aceitar mais...

Falando em moda

Quero trazer um tema que tem povoado os debates principalmente nas redes sociais: afinal plus size é apologia à obesidade ou seria a democratização da beleza? A coluna já trouxe essa discussão em edições anteriores, na época do boom das “digital influencers fitness”, que estão por todos os lados, com milhares de seguidores e com suas dietas e dicas para manter a forma e o...

Você já ouviu falar dos “Coletivos Feministas”?

Não, os movimentos de defesa das mulheres não pararam no tempo. Elas se reúnem e se agrupam de acordo com as suas bandeiras, com a necessidade de se expressar, de defender seus ideais e para manifestar seus incômodos. No Brasil,um país de dimensões tão grandes (e de diferenças também), os coletivos femininos ganham cada vez mais terreno e surgem...

Olha a economia criativa fazendo a diferença

Na contramão da crise nacional, a economia criativa ganha cada vez mais adeptos e promete ser o grande diferencial nos negócios em 2016. Diferentemente de uma atividade tradicional, que tem como premissa normalmente o uso de matérias-primas não renováveis, ela trabalha com recursos que não se esgotam; ao contrário, se multiplicam e se renovam, e não são concorrentes entre...