Caixa reduz taxa de juros do rotativo no cartão de crédito

Conforme as medidas adotadas pelo governo Temer em dezembro de 2016, novas condições para o uso do rotativo, entraram em vigor desde o dia 03 de abril. Com isso, a Caixa Econômica Federal anunciou a redução das taxas de juros do rotativo dos cartões de crédito. A redução na taxa mensal do rotativo, por exemplo, chega a até 7,7%.

De acordo com a Resolução nº 4.549 do Banco Central, estabelece nova dinâmica para o mercado de cartões, em que os clientes só podem manter o saldo devedor por 30 dias no rotativo. Desta forma, a partir das faturas com vencimento em 03 de maio de 2017, os clientes que estiverem com saldo rotativo terão três opções: quitar a fatura total; pagar o mínimo; ou aderir à linha de crédito parcelada.

Além disso, a instituição oferta a opção do Parcelamento Automático do valor da fatura. Essa possibilidade ocorrerá quando o cliente pagar qualquer valor abaixo do Pagamento Mínimo e diferente das três opções de parcelamento citadas.

Segundo a Caixa, o cliente que optar pelo parcelamento do saldo devedor, a partir de maio, poderá escolher os seguintes prazos de pagamento: 4, 8, 12, 16, 20 ou 24 meses, com taxas entre 3,30% a.m. e 9,90% a.m. Para formalizar a adesão, o cliente deve pagar o valor exato da primeira parcela de uma das propostas de parcelamento, que estará disponível na fatura, até a data do vencimento.

Para o diretor executivo de Cartões da Caixa, Márcio Recalde, a medida contribuirá para a redução da inadimplência e incentivo ao consumo. “Após análises econômicas, constatamos a possibilidade de rever e diminuir as taxas de juros cobradas na linha do rotativo do cartão de crédito, beneficiando todos os clientes”, destacou.

Aproveite as promoções especiais na Loja da ES Brasil!

Deixe seu comentário

Please enter your comment!
Favor insira seu nome