Bate-papo sobre moedas digitais na Associação dos Procuradores

moeda digital
Foto: Reprodução

O procurador Gabriel Laender vai explicar o que são e como funcionam as criptomoedas e como a profissão jurídica poderá ser impactada pela tecnologia.

A Associação dos Procuradores do Espírito Santo (Apes) promove, nesta terça-feira (19) um bate-papo sobre as criptomoedas ou moedas digitais. O meio de troca tem se valorizado e ficado popular diante das moedas tradicionais.

Para conduzir a conversa foi convidado o procurador e doutor em Direito, Gabriel Laender. O evento acontece na sede da Apes, na Praia do Suá, em Vitória. O encontro é gratuito e aberto a todos os interessados no assunto.

A criptomoeda se utiliza de criptografia para assegurar transações e controlar a criação de novas unidades da moeda. Na oportunidade do bate-papo, Laender irá explicar melhor o que são e como funcionam as criptomoedas. Também será abordado como esta tecnologia pode impactar o futuro da profissão jurídica.

“Eu sou um estudioso das criptomoedas por achar que elas estão relacionadas com o Direito. Então falarei também sobre como as empresas estão se movimentando e como serão impactadas e como os juristas vão exercer a sua profissão no futuro”. Ainda de acordo com o procurador, quem se interessa em conhecer melhor sobre o tema com o intuito de investir também poderá participar.

Serviço

Bate-papo sobre moedas digitais
Palestrante: Procurador Gabriel Laender
Data: 19 de dezembro de 2017
Horário: 15 horas
Local: auditório da Apes – R. Ulisses Sarmento, nº 24, Ed Leon Trade Center, Salas 802/805 – Praia do Suá, Vitória-ES
Aberto ao público