Governo do Estado vai conceder abono de R$ 1 mil para servidores

Abono salarial para servidores estaduais
Foto: Leonardo Duarte/Secom-ES

Quem trabalha para o Poder Executivo Estadual vai receber a importância em 22 de dezembro, junto com o pagamento.

O governador Paulo Hartung anunciou o pagamento de um abono de R$ 1 mil para todos os servidores do Poder Executivo Estadual, ativos e inativos. O abono, que é uma forma de valorizar o trabalho dos servidores públicos estaduais, será efetuado juntamente com o pagamento do mês de dezembro, que acontecerá no dia 22 deste mês. A declaração aconteceu na manhã desta segunda-feira (11).

O governador explicou que o abono aos servidores públicos da ativa e aposentados será possível por conta da política de austeridade fiscal desenvolvida pelo Governo do Estado. A gestão afirma que manteve as contas equilibradas e os pagamentos em dia durante o período de queda na arrecadação. Hartung destacou ainda a importância social, principalmente, para os servidores com menores salários.

“Estamos em uma caminhada completamente desafiadora onde conseguimos evoluir com uma política de austeridade importante e necessária. Dentro das nossas possibilidades estamos dando sinal do carinho que temos com a nossa imensa equipe de Governo. É um abono importante para todos os servidores públicos, mas muito importante para os que recebem menores salários. O abono vai permitir um Natal melhor para esses servidores e suas famílias”, afirmou.

Ajuste

O secretário de Estado da Fazenda, Bruno Funchal, confirma que este é o resultado de uma caminhada que começou em 2015, com o ajuste fiscal. “É uma conjugação de controle de despesa e melhora da arrecadação. Isso nos dá segurança para darmos esse passo”, afirmou o secretário.

Funchal também ressaltou a importância do servidor público para obtenção desses resultados positivos. “É preciso valorizar o papel dos servidores”.

O pagamento do abono terá uma repercussão de R$ 90 milhões ao Caixa do Governo, mas segundo o secretário Bruno Funchal este é um passo que está sendo dado com toda a segurança sem comprometer nenhum tipo ação que o Estado tem planeja para o ano de 2017 e de 2018.

O projeto de lei que prevê o pagamento do abono foi encaminhado para a aprovação da Assembleia Legislativa nesta segunda-feira (11).